Durante o painel do Social Comics e Eleven Dragons, na CCXP Worlds, as empresas, fizeram diverso anúncios importantes para marcar o novo momento da plataforma e reforçar o compromisso do Social Comics em fazer com que a experiência da leitura digital seja ainda mais completa.

Para isso, a experiência dentro da plataforma foi toda remodelada. Agora, o acesso às HQs gratuitas – disponíveis no Social – acontece sem a necessidade de cadastro. O acesso é rápido e direto e as novas usabilidades anunciadas durante o painel, como timeline com notícias sobre o universo dos quadrinhos e chamada para novos títulos, gamificação da experiência com a conquista de badges e XPs em todas as ações, já estão liberadas para quem usa o app do Social Comics no celular e no tablet.

Essas funções também poderão ser replicadas no desktop, mas só a partir do primeiro trimestre de 2021.

O CEO e fundador do Social Comics, JP Sette destaca que este é um novo momento para a plataforma e para os amantes de quadrinhos. “A leitura de alguns títulos continua de forma gratuita e o acesso ao ecossistema acontece de forma bem mais prática, sem necessidade de cadastro ou e-mail. É entrar e começar a ler”.

Além disso, também será possível criar coleções personalizadas e compartilhar com os amigos que também estiverem no Social Comics. Uma nova forma de interagir e compartilhar conteúdo customizado do jeito que o leitor preferir.

Um detalhe interessante é que, apesar de todas as novidades, os leitores que quiserem fazer parte da comunidade com acesso irrestrito a milhares de títulos no formato de streaming, poderão assinar o Social Comics pelos mesmos valores mensais já praticados: R$ 14,90 para um dispositivo, R$19,90 para dois dispositivos, e R$25,90 para quatro dispositivos. Para clientes Claro, a assinatura mensal fica no valor de R$ 12,90.

“Quem acessar o Social Comics vai perceber que o aplicativo evoluiu, e muito, nessa nova versão. Fizemos uma tecnologia nova, do zero, muito mais robusta, pensando na experiência do usuário. Definitivamente é um novo Social Comics com muito mais funções”, enfatiza JP.

Conteúdo original, quadrinhos imersivos e exclusivos para a plataforma

Em conjunto com tudo isso, o Social Comics também irá receber uma nova leva de produções originais e exclusivas, criadas pela Eleven Dragons, que tem como diferencial uma experiência de leitura imersiva, totalmente desenhada para a plataforma.

Um dos grandes destaques dessa temporada é o lançamento dos quadrinhos originais e exclusivos Wardogs Chronicles, ideia gestada e coproduzida como parte da parceria entre a marca brasileira de urbanwear Red Nose e Eleven Dragons. A 1ª edição do quadrinho distópico já está disponível para leitura. As HQs de Wardogs serão publicados mensalmente e servirão de Spinoffs da série animada que também está sendo produzida pela Eleven Dragons com o lançamento previsto para 2022.

Novas editoras

Durante o painel na CCXP Worlds, o Social Comics também anunciou a presença de duas novas editoras que irão disponibilizar conteúdo único e de alta qualidade na plataforma: AWA Studios e Comic Republic.

A AWA Studios é definida como um negócio criativo, gerido por criadores. Entre os fundadores estão dois nomes que chamam bastante a atenção no universo das HQs: Bill Jemas e Axel Alonso, respectivamente, ex- COO e ex-editor chefe da Marvel Comics, e que agora – no comando da AWA – possuem como parte de seu catálogo projetos com artistas como o brasileiro Mike Deodato Jr., J. Michael Straczynski, Frank Cho, Garth Ennis e muitos outros.

A Comic Republic é um estúdio nigeriano que, por meio dos quadrinhos, tem expandido o conhecimento da mitologia e da culturas do continente africano e sua grandiosidade. Representada pela figura do C.E.O Jide Martin, as publicações chegam ao Brasil como uma maneira de celebrar a diversidade na indústria de quadrinhos e inspirar crianças e adultos.

Érico R. M. Rosa, sócio e CKO do Social Comics destaca que “Diversidade e representatividade de ideias, experimentações e linguagem, estão entre as distintas marcas de como as histórias em quadrinhos contribuem para a arte e a cultura, e o Social Comics segue com essa tradição histórica.”

C.O.D – Comic on Demand

Além do modelo de assinatura, agora o Social Comics também terá o C.O.D (Comic on Demand), ferramenta que irá permitir o aluguel de quadrinhos dentro da plataforma. Conjuntamente com essa nova opção, o leitor também poderá comprar títulos em ePub. Essas funções estarão liberadas já no início de 2021.

Ainda, no decorrer dos próximos dias mais novidades devem ser anunciadas como parte da expansão dos projetos de títulos originais e também de funcionalidades da plataforma.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Social Comics anuncia HQs exclusivas e acordos com novas editoras internacionaishttps://impulsohq.com/wp-content/uploads/2020/12/Social-Comics-2020.jpghttps://impulsohq.com/wp-content/uploads/2020/12/Social-Comics-2020-150x150.jpgRenato LebeaunotíciasquadrinhosAWA Studios,Comic Republic,Eleven Dragons,Social Comics,Wardogs ChroniclesDurante o painel do Social Comics e Eleven Dragons, na CCXP Worlds, as empresas, fizeram diverso anúncios importantes para marcar o novo momento da plataforma e reforçar o compromisso do Social Comics em fazer com que a experiência da leitura digital seja ainda mais completa. Para isso, a experiência dentro...O Impulso HQ é um site e canal no YouTube dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!