Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, listamos as mulheres da América Latina – incluindo brasileiras – que prometem dominar o universo da DC daqui em diante

O anúncio de que a atriz Sasha Calle seria a Supergirl no novo filme do Flash reacendeu uma curiosidade de muitos dos fãs do universo geek: onde estão os latinos na cultura pop? Seja nos quadrinhos, filmes e séries, por trás das câmeras e até mesmo dentro da ficção, é curioso notar que a representatividade latina feminina nunca foi uma pauta que recebeu a devida importância.

Pensando nisso, e em homenagem a essas mulheres maravilhosas, decidimos listar algumas das participações mais bacanas do girl power latino dentro do universo da DC:

Sasha Calle, a descendente colombiana que será a Supergirl no novo filme do Flash

Com 25 anos, Sasha Calle é descendente de colombianos e foi a escolhida para viver a Supergirl no universo cinematográfico da DC. Foi tocante assistir o vídeo em que ela se emociona no momento em que recebe a notícia da contratação e que, como era de se esperar, viralizou na rede.

Sasha é uma das primeiras mulheres com descendência latina a interpretar uma personagem de tamanha relevância nos filmes de super-heróis da DC. “Uma super-heroína latina?! Em que planeta?! Bem neste planeta! Que alegria e que orgulho”, comemorou a atriz em seu Instagram.

Yara Flor – Moça-Maravilha brasileira na série de HQs Future State

Yara Flor é a mais nova representação do Brasil nas HQs. Parte da série Future State, que reimagina os super-heróis clássicos da DC Comics, Yara vive nas terras brasileiras e, além de combater monstros, luta contra a corrupção política no país.

Apesar de não ter agradado parte dos fãs brasileiros – que consideraram desrespeitosas algumas representações da cultura indígena -, Yara Flor fez sucesso o suficiente para ganhar uma revista própria mensal. Na história, ela deixará a cidade em que foi criada nos EUA para investigar suas origens no Brasil.

Alice Braga – atriz brasileira em O Esquadrão Suicida

A atriz brasileira mais bem-sucedida de Hollywood não ficaria de fora dessa lista! Alice Braga estará em um dos próximos filmes da DC Comics, o novo Esquadrão Suicida, que deve sair ainda em 2021.

Na trama, ela interpretará Sol Soria, uma personagem que não existe nos quadrinhos. As apostas dos fãs é de que ela fará uma versão feminina de Juan Soria, personagem que participou do Esquadrão Suicida nas HQs.

Carol Zara – brasileira que já publicou HQ de forma independente no exterior

Carol Zara é uma quadrinista brasileira que, atualmente, mora no Canadá. Ela já publicou, de forma independente, a HQ Alien Toilet Monsters®, que fez grande sucesso nos EUA. Carol foi uma das cotadas pela DC Comics para escrever as histórias de Yara Flor depois que ela postou no Facebook, de forma despretensiosa, se colocando à disposição para trabalhar com a personagem.

Não demorou para que sua postagem ganhasse a curtida de José Luis García-López, o renomado quadrinista da DC, o apoio de vários lojistas americanos, e até um comentário de Daniel Cherry, gerente geral da DC Comics, que encaminhou Carol para outros representantes da empresa.

Keli Quintela – Lanterna Verde boliviana

Keli Quintela é uma Lanterna Verde de apenas onze anos de idade. Nascida em La Paz, na Bolívia, Keli levou a bateria de um Lanterna Verde para a casa de sua mãe e, então, usou-a como fonte de energia para sua manopla – sem o conhecimento da Tropa dos Lanternas. Hoje, ela é membro da Justiça Jovem.

Bilquis Evely – quadrinista brasileira que trabalha com as HQs da Mulher-Maravilha

Nascida em São Paulo, Bilquis conta que, na infância, gostava dos quadrinhos da Turma da Mônica e que foi só durante a adolescência que ela se encantou por um quadrinho da Supergirl. “Eu sempre gostei de desenhar e de criar histórias, personagens e desenhos. Mas eu nunca parei para pensar que isso poderia ser ‘quadrinho’”, disse ela em entrevista ao Pedro Bial.

Hoje, Bilquis já assumiu os traços de HQs da Mulher-Maravilha e The Sandman Universe: The Dreaming, dentro a DC Comics.

Ya’Wara – personagem brasileira que pode estar no próximo Aquaman

Quando Ya’Wara era uma garotinha, estava em um avião que caiu na Floresta Amazônica. Ela foi salva pela Mãe da Floresta, e ganhou poderes especiais para proteger a floresta. Mais tarde, ela se reuniria a Os Outros, um grupo de pessoas que protegeria os Sete Artefatos da Atlântida de cair nas mãos erradas.

Segundo a conta de Twitter The Aquaverse (que acertou os personagens que estariam no filme Aquaman, de 2018), Os Outros estariam no próximo filme do herói marinho. Se isso se concretizar, estamos na torcida para que uma atriz brasileira seja escalada para interpretar Ya’Wara!

***

Essa lista foi apenas para lembrar a importância das mulheres, principalmente as latinas, dentro do universo da DC e esperamos que a cada dia elas ganhem mais espaço e destaque, afinal, seja na ficção ou na vida real, sabemos que elas têm que lutar o triplo do que outros personagens para garantirem o seu lugar dentro da cultura pop.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
https://impulsohq.com/wp-content/uploads/2021/03/dc-comics-mulheres-latinas.jpghttps://impulsohq.com/wp-content/uploads/2021/03/dc-comics-mulheres-latinas-150x150.jpgDa RedaçãonotíciasquadrinhosAlice Braga,Bilquis Evely,Carol Zara,DC,DC Comics,Keli Quintela,Sasha Calle,Ya'Wara,Yara FlorEm comemoração ao Dia Internacional da Mulher, listamos as mulheres da América Latina - incluindo brasileiras - que prometem dominar o universo da DC daqui em diante O anúncio de que a atriz Sasha Calle seria a Supergirl no novo filme do Flash reacendeu uma curiosidade de muitos dos fãs...O Impulso HQ é um site e canal no YouTube dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!