Quando ia começar a escrever essa resenha sobre Harmatã, o bonito livro de Pedro Cobiaco, me lembrei de algo que tinha lido trinta anos atrás. Aqui, embaixo do meu velho…
Continue Reading