Xampu – Lovely Losers é um projeto que o desenhista Roger Cruz tem desde a década de 1990 quando publicou a HQ Xampu Generation na revista Metal Pesado, no já distante ano de 1997.

Mas só agora Roger conseguiu finalizar o projeto. Ao menos parte dele, uma vez que o trabalho esta programada para ter 3 números.

A obra, de forte carga autobiográfica e nostálgica, procura resgatar a história de algumas pessoas que freqüentavam um determinado apartamento na zona norte da cidade de São Paulo (um antro de sexo, drogas e rock’ n’ roll), na década de 1980.

Neste volume conhecemos alguns de seus donos e freqüentadores como o Sombra, o Max, a Raquel e a Nicole.

A HQ vai viajando no tempo, contando histórias daquela época e o paradeiro de algumas dessas pessoas. São histórias dos relacionamentos entre esses personagens (seus sonhos, amores, amizades etc.) e sobre o que o destino fez com eles – em alguns momentos a HQ adquire uma narrativa próxima aos quadrinhos jornalísticos de Joe Sacco e Guy Delisle (como quando o narrador, supostamente Roger, tenta encontrar o personagem Max e vai entrevistando pessoas que em algum momento foram próximas do personagem).

Como era de se esperar, os desenhos são maravilhosos, mas não espere o mesmo traço que Roger usa para desenhar super-heróis, aqui seu trabalho está muito mais estilizado. A HQ Xampu Generation (aquela publicada em 1997) foi redesenhada e é a história que abre a edição; nela podemos notar toda a evolução do artista neste seu traço mais pessoal (a HQ original esta nos extras da edição).

Mas tudo merece destaque neste trabalho: os recursos narrativos que Roger utilizam são primorosos (como os pensamentos dos personagens na HQ “Max e Nicole”); os cenários sempre apresentam detalhes que revelam com primor muitas características dos anos 1980 (como os trombadinhas e as brincadeiras de rua da garotada); a diagramação é bem fluída sabendo alterar as passagens mais agitadas com aquelas mais introspectivas; os diálogos verossímeis e interessantes (como na HQ “Max”); o título das histórias escritas com os logos de famosas bandas daquela década; o projeto gráfico (em referência aos saudosos discos de vinil) e a impressão em sépia cujas manchas escuras ditam o clima melancólico da obra e a aproxima dos trabalhos de Will Eisner.

Para sintetizar o álbum, cito uma frase de Raul Seixas (extraída, curiosamente, de uma música intitulada “Anos 80”): Melancolia e promessas de amor.

Trabalho primoroso!

Xampu – Lovelu Losers
Autor: Roger Cruz
Editora Devir
80 páginas
Data: Maio de 2010
R$ 29,50

Alexandre Manoelresenha hqbDevir,HQB,Lovely Losers,resenha,Roger Cruz,XAMPUXampu – Lovely Losers é um projeto que o desenhista Roger Cruz tem desde a década de 1990 quando publicou a HQ Xampu Generation na revista Metal Pesado, no já distante ano de 1997. Mas só agora Roger conseguiu finalizar o projeto. Ao menos parte dele, uma vez que o...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe