Está cansado das mesmas histórias de sempre? Faz tempo que não sente empolgação ao ler uma história em quadrinho? Bem, talvez você esteja procurando no lugar errado, ou na banca errada. Peryc, o Mercenário é uma excelente dica de leitura de HQ independente que é resultado de esforço e determinação. É mais que um projeto editorial, e sim um sonho concretizado.

Prozine ou gibi? Não importa o termo, a publicação de Peryc da Tchê Produções é, sobretudo, a realização de um sonho para seu editor, Denilson Reis. Fã da criação máxima de Robert E. Howard, o cimério Conan, a revista do Peryc não tem a intenção de reinventar o estilo espada e magia, apenas quer oferecer uma leitura divertida dentro do segmento. Grande mérito.

A revista reúne ilustrações fantásticas do personagem tema e histórias curtas, ambientadas no cenário futurista que dá lugar a uma realidade inóspita “hiboriana”. Na breve trama de Serpente de Areia, o aventureiro se depara com uma ameaça tanto física quanto mental. Em Taverna, é hora do leitor ser apresentado a um mistério que poderá eventualmente repercutir em futuras publicações.

As duas partes do texto “Mundo Hiboriano” são uma excelente oportunidade para o leitor interessado saber mais sobre as HQs de Conan por meio das palavras de quem entende do assunto.

Rumo a Pedras Negras, única parte da revista que não conta com texto de Denílson, inicia uma história que tem tudo para reverberar na mitologia em construção de Peryc, já que Pedras Negras é tomada por um local significativo no cenário de aventuras do mercenário, repleto de possibilidades. Resta-nos aguardar a sequência com dedos crispos sobre o cabo da espada!

Peryc, o Mercenário é uma criação de já conhecido fanzineiro gaúcho Denílson Reis, mas aqui nesta edição, nos roteiros ele conta com a colaboração de Alex Doeppre e Gervásio Santana. As HQs são desenhadas por Marcel de Souza, Matias Streb e Jader Correa.
Os desenhos dos diversos artistas tem em comum o uso apropriado de técnicas para uma HQ em Preto e Branco. Ponto positivo e sinal de que foi feito o “dever de casa” – tomar as melhores referências das aventuras de Conan.

Para finalizar, a revista traz ainda ilustrações de Alex Doeppre, Daniel HDR, Hélcio Rogério, Jusciano Carvalho, Juliano Machado, Paulo Fernando e Ronilson Leal. A capa é assinada por Marcel de Souza e a 4ª capa do Mestre Júlio Shimamoto, pintada por Marcelo Tomazi.

Peryc é a realização de um sonho, reafirmo. Seu resultado e concretude certamente poderá ser o início de um caminho de aventura e estímulo para jovens dispostos ao alcançar as peças metálicas da satisfação pessoal no cenário quadrinístico brasileiro!

Peryc, o Mercenário 1
Roteiro: Denílson Reis, Alex Doeppre e Gervásio Santana
Arte: Marcel de Souza, Matias Streb e Jader Correa
Capa colorida
Miolo em tons de cinza
21 x 15 cm
32 páginas
R$ 5,00
Contato: [email protected]

Dennis Rodrigoresenha hqbAlex Doeppre,Conan,Denilson Reis,Gervásio Santana,HQB,Jader Correa,Marcel de Souza,Matias Streb,Peryc,resenha,Robert E. HowardEstá cansado das mesmas histórias de sempre? Faz tempo que não sente empolgação ao ler uma história em quadrinho? Bem, talvez você esteja procurando no lugar errado, ou na banca errada. Peryc, o Mercenário é uma excelente dica de leitura de HQ independente que é resultado de esforço e...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe