os_brasileiros

Este álbum reúne sete histórias de André Toral criadas entre 1991 e 2008. Uma delas, O Negócio do Sertão, lhe rendeu o troféu HQMIX de melhor roteirista de 1992.

Mesmo tempo sido criadas num espaço de tempo largo, as HQs não apresentam nenhuma disparidade entre si, nem de forma, nem de conteúdo.
O livro apresenta primeiro as HQs coloridas e depois as em preto e branco. Embora o autor se declare influenciado por Alberto Breccia, seu estilo me pareceu mais na linha dos quadrinhos europeus, algo como Frédérick Boilet, mas sem a sensualidade e a precisão fotográfica do autor francês.

O texto escorrega um pouco pelo excesso de legendas que teimam em substituir a ação (talvez como recurso para economizar páginas), soam, às vezes, explicativas demais e, outras vezes, tornam as histórias muito curtas, sem se aprofundar nos assuntos que aborda. Entretanto, em algumas ocasiões, se apresentam de maneira muito interessante, dialogando com os personagens e acrescentando um toque de humor nas histórias.

Por André Toral ser historiador e antropólogo, imaginei que eram histórias que dissecavam o modo de vida dos índios (termo genérico que engloba todas as etnias dos primeiros habitantes do que hoje chamamos de Brasil), suas lendas e seus costumes. Inevitavelmente, esses aspectos estão presentes na obra, mas não se constituem em sua parte principal.

O objetivo do álbum é narrar aventuras ocorridas ao longo dos anos – desde os tempos do “descobrimento” até os dias de hoje – e que de alguma forma envolvam índios. Não necessariamente como personagens principais, mas em todas elas, mostrando-os como realmente são: etnias cheias de virtudes e vícios (como são todas as etnias, aliás); um povo receptivo e, na maioria das vezes, pacífico, mas que também guerreava entre si e fazia escravos; um povo subjugado pelos invasores, mas que estimava e tentava preservar sua cultura.

É justamente esse o triunfo do álbum: apresentar os índios despidos da visão romântica de vítimas submissas e seres perfeitos.

Os Brasileiros
Autor: André Toral
Editora: Conrad
Nº de páginas: 88
Data: Abril de 2009
Preço: R$ 38,00

Alexandre Manoelresenha hqbAlberto Breccia,André Toral,Brasileiros,conrad,Frédérick BoiletEste álbum reúne sete histórias de André Toral criadas entre 1991 e 2008. Uma delas, O Negócio do Sertão, lhe rendeu o troféu HQMIX de melhor roteirista de 1992. Mesmo tempo sido criadas num espaço de tempo largo, as HQs não apresentam nenhuma disparidade entre si, nem de forma, nem...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe