Quando publicamos a resenha “As Melhores Mentirinhas” de Fábio Coala, um dos grandes destaques foi o personagem Monstro. Ele era cativante, emocionante e com aparições tão marcantes que quando o autor colocou no Catarse um projeto solo para o personagem, confesso que consideramos como ordem natural das coisas e tínhamos certeza que seria uma iniciativa bem sucedida.

O que surpreendeu foi o álbum solo do Monstro apresenta um ser diferente daquele Monstro de Mentirinha 1. Veja bem, o Monstro em si continua o mesmo, mas as suas aparições agora são outras. Ok, vamos explicar melhor!

O Monstro foi um dos personagens mais interessantes e marcantes que li em 2112. Ele me emocionou. Era isso que eu gostaria de sentir novamente. Aquela sensação de que a vida acontece e que coisas ruins abatem pessoas boas e nós não temos esse controle de parar o inevitável, mas de algum modo há fatos inexplicáveis que nos acalentam e nos ensinam a viver.

Isso para mim era o Monstro, e no texto da quarta capa o autor foi muito feliz em escrever “a palavra monstro vem do latin monstrum, e pode significar mostrar, advertir ou até mesmo segredo divino”. E é exatamente esse Monstro que Coala nos apresenta: um guardião, um guia que aparece nas horas difíceis e ensina às crianças significados e caminhos.

O autor soube como conduzir essa “explicação” da existência do Monstro em quatro histórias que giram em torno de duvidas, tristezas e indecisões. Todas são sobre dramas que podem ser muito reais e podem ter acontecido com você. Essa aproximação com a realidade faz com que os textos de Fábio Coala se tornem íntimos do leitor.

Separadamente o autor poderia ter se aprofundado mais nas histórias, alguns desfechos foram muito rápidos e ficaram algumas pontas soltas, mas vale lembrar que o Monstro nasceu na Internet e algumas explicações podem ser dadas por ali, inclusive no álbum o autor dedica uma página contando que seis histórias publicadas no site tem algum tipo de ligação direta com a graphic novel, seja por um personagem ou por um pequeno detalhe. Então é aconselhável fazer uma visita no www.mentirinhas.com.br/c/o-monstro.

Coala preferiu usar um estilo de arte mais carregado no preto e manchas para o sombreado dos personagens. Isso carrega um pouco o olhar e deixa tudo muito pesado e cansativo, mas acredito que tenha sido justamente essa intenção, pois o mundo fica colorido e mais leve com as aparições do Monstro. Uma pena essas aparições serem tão poucas nesse álbum de 240 páginas. As cores de Coala são harmoniosas e dão um alívio necessário à leitura.

Um ponto interessante a ser ressaltado é como o autor representou graficamente o Monstro para cada história. Nas três narrativas principais são três garotos que enxergam o Monstro à sua maneira. O que fortalece a ideia de que cada um vê a sua ajuda como melhor ela parecer. Aliás, esse é um extra bem interessante do álbum. São nove quadrinhistas e amigos de Coala que apresentam as suas interpretações do Monstro.

Falando em extras, a HQ está bem servida. Além da primeira história do Monstro e dos convidados, o autor colocou partes de seu processo de criação, desde o roteiro escrito até a transposição para os quadros e arte-final. Esboços com os estudos dos personagens, lista de todos os nomes que colaboraram com o álbum e ainda um link para uma história exclusiva que conta o que aconteceu com alguns dos personagens também fazem parte dos extras.

Isso sem falar dos brindes do Catarse. Particularmente ganhei do autor dois cartões postais lindos e fiquei de olho no Mostro de pelúcia. Se você não colaborou, então fique de olho no autor, quem sabe não sobrou alguns, ou melhor, quem sabe ele não coloca outro projeto no Catarse. Isso seria excelente!

O Mostro de Fábio Coala foi um projeto muito esperado e apoiado. Acredito que logo logo veremos ele aparecer por aí em novas e emocionantes histórias. Coala é um herói, não só porque já foi bombeiro, mas porque acredita no seu sonho e a cada dia faz ele se materializar em papel, traços e cores.

O álbum é sim uma excelente publicação, meu único porém foi não sentir toda aquela emoção de quando li o Monstro pela primeira vez, mas mesmo assim, O Monstro é recomendado para todos, afinal, cada um vê o Monstro do seu jeito.

O Monstro
Autor: Fábio Coala
Independente
PB / Colorido
16 x 22 cm
240 páginas
R$ 33, 00 + frete
Contato: mentirinhas.com.br

Renato Lebeauresenha hqbCatarse,Fábio Coala,Mentitinhas,MonstroQuando publicamos a resenha “As Melhores Mentirinhas” de Fábio Coala, um dos grandes destaques foi o personagem Monstro. Ele era cativante, emocionante e com aparições tão marcantes que quando o autor colocou no Catarse um projeto solo para o personagem, confesso que consideramos como ordem natural das coisas e...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe