Disponível para leitura online desde 2006, Dinamite e Raio Laser é uma webcomic criada por Samuel Fonseca que com o passar do tempo vem conseguindo mais e mais fãs e foi vencedora do 22º Troféu HQMIX na categoria web quadrinhos em 2009.

Agora os leitores da série podem ficar ainda mais felizes porque além de ter sempre online as aventuras da dupla, elas também estão no papel. Lançado no mês de julho, pela Devir Livraria, o álbum “Dinamite & Raio Laser: Zero” traz uma história inédita que conta como foi o início dessa grande amizade, com roteiro de Alexandre Maki e arte de Samuel Fonseca.

Essa foi a grande sacada do álbum. O texto de Maki não se concentrou apenas nos leitores que já conhecem a série, e sim, dá a oportunidade para quem não conhece os personagens se identificarem e se aproximarem, e ainda deixa espaço para novos elementos que expande o conceito de alguns personagens, agradando aqueles leitores que acompanham os alunos da Escola de Heróis há mais tempo.

Claramente influenciado pelos mangás e animes, a história do álbum se concentra em Zero, que mais tarde seria conhecido como Raio Laser, e como foi para o personagem deixar o seu país, familiares e amigos para viver a sua jornada e se tornar um grande herói. Somos apresentados a sua família, tio, primo, mãe e principalmente ao pai ausente e mega empresário que não apoia a sua decisão, mas que cobra que Zero seja o maio de todos para não desonrar o seu nome.

A cena mais importante nesse álbum é o primeiro encontro entre Dinamite e Raio Laser. Primeiro porque para os leitores não habituados da webcomic, a entrada de Dinamite representa uma nova série de referências e abre as possibilidades de situações inesperadas, isso porque Dinamite vem de um outro repertório, os de desenhos animados americanos non sense, onde os personagens conseguem fazer uma bomba enorme sair do bolso e explodir um robô gigante como se fosse sempre uma piada.

A arte e cores de Fonseca dão um toque a mais a história, colocando um ritmo de animação impecável. Aliás, Dinamite e Raio Laser tem cara de desenho animado que faria muito sucesso entre o público do Cartoon Network, por exemplo. O traço estilizado, o uso de muitas linhas de ação e retículas fazem qualquer fã de mangá se identificar com a HQ.

A diagramação dos quadros dentro das páginas é excelente. A maioria dos quadros mantém o seu formato tradicional retangular, mas Fonseca soube quando não utilizar os contornos para dar mais respiro e principalmente, teve a habilidade de não manter sempre a mesma proporção, gerando mais mobilidade e dinamismo as páginas.

Com um bom roteiro que garante o entendimento de todos e arte agradável, passando a sensação de uma série animada, “Dinamite & Raio Laser: Zero” é uma ótima indicação para os leitores mais jovens que procuram uma leitura leve e divertida.

E é claro, é um ótimo começo para se conhecer o universo criado por Fonseca. Para os que já conhecem, vão ter ainda mais diversão. E não se esqueça, para acompanhar as aventuras inéditas de Raio Laser e Dinamite acesse o site oficial www.dinamiteraiolaser.com.br.

Dinamite & Raio-Laser: Zero
Devir Livraria
História: Alexandre Maki
Arte: Samuel Fonseca
20,5 x 27,5 cm
48 páginas
R$ 29,50

Renato Lebeauresenha hqbAlexandre Maki,Devir,Dinamite,HQB,Raio-Laser,resenha,Samuel FonsecaDisponível para leitura online desde 2006, Dinamite e Raio Laser é uma webcomic criada por Samuel Fonseca que com o passar do tempo vem conseguindo mais e mais fãs e foi vencedora do 22º Troféu HQMIX na categoria web quadrinhos em 2009. Agora os leitores da série podem ficar ainda...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe