A Devir Livraria sempre apostou nos quadrinhos nacionais e podemos dizer que um dos títulos mais brasileiros que ela publicou foi a série Brasil 1500. A trilogia escrita por Fábio Fonseca e ilustrada por Andrei Miralha e Otoniel Oliveira teve a sua conclusão com a publicação da história Caminho das Índias lançada nas livrarias em março de 2013.

Esse terceiro álbum de Brasil 1500 é mais uma aventura que tem a história do descobrimento do Brasil como pano de fundo para a trajetória do personagem Gonçalo, durante a expedição de Cabral em busca do tão cobiçado caminho das Índias. Tais expedições eram embaladas por intrigas e espionagem, desavenças e interesses políticos.

O final do Século XV foi o período que ficou conhecido como a época das grandes navegações. Nesse sentido, homens tornavam-se exploradores e lançavam seu destino à sorte dos oceanos, motivados pelo sonho de fortuna e glória, em missões através dos mares na incerteza se voltariam ao país de origem.

Assim como nos dois capítulos anteriores “Segredo de Estado” e “Chegada ao Paraíso”, o destino das navegações portuguesas e até o próprio descobrimento do país se misturam com as aventuras de Gonçalo, que provoca mudanças significativas em detrimento de suas ações e investidas para sobreviver a essa perigosa, e mais uma vez, política aventura. Tudo isso é mérito do roteiro de Fábio Fonseca.

O traço dos artistas é muito competente, mas nas primeiras páginas do livro, durante a sequência que mostra um confronto entre tribos indígenas, a arte perde seu caráter orgânico para uma latente influência noventista que pouco jus faz a uma narrativa tão ancorada na realidade até então.

No entanto, Andrei Miralha e Otoniel Oliveira retomam todo esmero e pesquisa para retratar desde as embarcações sofrendo ao sabor de uma tempestade em alto mar, ao comércio e as batalhas na Feitoria de Calicute, e mantém o vigor e a qualidade acentuada no lápis que envolvem o leitor até os últimos quadros.

Brasil 1500 – Caminho das Índias encerra com primor a trilogia e, de fato, muda para sempre a vida do personagem que protagoniza a obra, sobretudo por torna-lo histórico para o leitor.

Brasil 1500 – Caminho das Índias
Devir Livraria
Roteiro: Fábio Fonseca
Arte: Andrei Miralha e Otoniel Oliveira
Brochura com laminação fosca e reserva de verniz
Papel Couché
Colorido
48 páginas
20,5 × 27,5 cm
R$ 26,50

Dennis Rodrigoresenha hqbAndrei Miralha,ábio Fonseca,Brasil 1500,Caminho das Índias,Devir,HQB,Otoniel Oliveira,resenhaA Devir Livraria sempre apostou nos quadrinhos nacionais e podemos dizer que um dos títulos mais brasileiros que ela publicou foi a série Brasil 1500. A trilogia escrita por Fábio Fonseca e ilustrada por Andrei Miralha e Otoniel Oliveira teve a sua conclusão com a publicação da história Caminho...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe