livro-dos-sithE eis que das profundezas dos holocrons mais antigos ressurge o “Livro dos Sith” contando os maiores segredos sobre o lado (melhor) negro da força. O livro que está nas prateleiras das livrarias nacionais desde 2014 pela editora Bertrand Brasil volta a ter a sua importância e procura aumentada devido ao sucesso de Star Wars: o Despertar da Força.

Livro dos Sith conta com anotações dos personagens do universo de Star Wars, roubadas por Yoda e Mace Windu, resgatadas por Darth Sidious e roubadas novamente por Luke Skywalker. Mas espere? Jedis roubando???

Antes de tudo, explicarei que por serem anotações do Lado Negro são pertencentes ao mesmo então apesar de por motivos nobres (morte aos Jedis!) foram roubadas por eles. Para os que começarem a ler um aviso: o Livro dos Sith não é sequencial, não possui um começo nem um fim determinado e com certeza não é um manual sobre como ser um Sith.

sith-star-warsDividido em seis partes, a primeira são as anotações de Sorzun Syn, uma jedi que muitos consideram a primeira Sith. Suas anotações nos dão uma base sobre o que aconteceu para a mesma se rebelar em relação aos Jedis e futuramente tornando a criar o que hoje são os Sith.

A segunda parte é um relato de guerra de Darth Malgus. São apenas alguns trechos recuperados contando o que estava acontecendo em sua guerra. A terceira é narrada por Darth Bane, e é o que mais se aproxima de um manual. Bane dá varias explicações sobre comportamentos Sith, como o estilo de combate, a regra de dois e o título Darth.

sith-star-wars-1A quarta parte é narrada por Mae Talzin, uma xamã das Irmãs da Noite. Pela primeira vez, temos uma visão neutra da força. Mãe Talzin não vê a diferença que Sith e Jedi colocaram. A quinta é contada por Darth Plagueis, o mestre de Darth Sidious, falando sobre sua pesquisa científica sobre manipulação de mid chlorians para a vida eterna.

A última parte é narrada pelo próprio Palpatine explicando o que estava garantindo seu sucesso no Império. Sem dar muitas explicações para aguçar vocês a lerem, o livro é escrito e dividido desta maneira. Porém, o ponto alto do Livro dos Sith é a diversidade.

Como disse no início da resenha, Yoda, Mace Windu, Palpatine e Luke pegaram essas anotações, ou seja, seis pessoas diferentes em épocas diferentes escreveram-nas. A edição é em capa dura e ao abri-la é visível paginas com diferentes aspectos, texturas e formatos. Feitos pra indicar a diferença de papel usada por cada autor.

sith-star-wars-darth-vaderAlém disso, os personagens acima citados que pegaram as anotações comentaram algumas coisas nas páginas, cada qual com uma caligrafia e estilo de sintaxe próprio. Então é comum ver partes de anotações circuladas ou grifadas de uma cor e uma seta apontando para o comentário de Luke discordando ou de um Sith concordando. Essa mistura de escritas, páginas e até mesmo ilustrações fez O Livro dos Sith parecer que realmente é um amontoado de registros ao invés de um livro diagramado perfeitamente.

Isso é um elogio e uma tremenda realização, pois ao lê-lo, percebemos que a intenção era essa e o autor, Daniel Wallace, a fez com maestria.

Livro dos Sith
Editora Bertrand Brasil
Autor: Daniel Wallace
Tradução: Raquel Novaes
Acabamento Brochura
14 x 21 cm
160 páginas
R$ 49,90

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2016/03/livro-dos-sith-1.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2016/03/livro-dos-sith-1-300x300.jpgMatheus ZucaNas bancas / Nas livrariasBertrand Brasil,Daniel Wallace,Darth Sidious,Livro dos Sith,Raquel Novaes,Star WarsE eis que das profundezas dos holocrons mais antigos ressurge o “Livro dos Sith” contando os maiores segredos sobre o lado (melhor) negro da força. O livro que está nas prateleiras das livrarias nacionais desde 2014 pela editora Bertrand Brasil volta a ter a sua importância e procura aumentada...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe