ich-jamboO escritor inglês Graham Greene no livro “O Americano Tranquilo” fala da colonização moderna e usa como epígrafe as palavras “essa é a época das grandes invenções, todas com uma só finalidade, destruir os corpos e salvar as almas. Mas tudo feito com a melhor das intenções.”

Aproveitando o mote da Bienal Internacional do Livro do ano passado, que homenageava os autores argentinos, a Jambô Editora surpreendeu a muitos ao trazer para o Brasil o título ICH. Surpresa porque a editora tinha até então no seu catálogo bastantes títulos de RPG e poucos quadrinhos, e também por trazer tão rapidamente esse título para as terras brasilis, já que o original foi publicado na Argentina em agosto de 2015, ou seja, em apenas poucos meses.

ich-jambo-2Uma HQ sensacional. O trabalho da dupla argentina Luciano Saracino e Ariel Olivetti é ambientado no século 16, na época dos conquistadores espanhóis e apresenta elementos históricos e uma arte fantástica. Para quem conhece a dupla, sabe que os desenhos e roteiros são de ótima qualidade. Narrativa e arte tirar o fôlego, além de um texto final bem esclarecedor para situar o leitor.

Ação, aventura e terror na América das tribos pré-colombianas. Com um mote fantasioso, Luciano Saracino nos apresenta o motivo de um temido inquisidor ser chamado para as Américas para defender e proteger os interesses da Espanha: conquistadores espanhóis estão sendo atacados por criaturas poderosas e assustadoras nas florestas do Novo Mundo. E assim conhecemos Ich, um indígena que tenta salvar seu povo utilizando máscaras que dão a ele o poder de várias figuras lendárias dos povos oriundos da terra, mas ele vai enfrentar um terrível inimigo, chamado por Frei Bustos.

O inquisidor atende pelo real nome de Sebastián De Loup, que de tão implacável e cruel, diz de si mesmo: “às vezes penso que tenho a alma de um poeta encarnada neste corpo de inquisidor, mas essas mãos se dão melhor com o ferro do que com a pluma…”, e ao final dessa história, De Loup vai mostrar sua verdadeira face.

ich-jambo-3A narrativa gráfica de Ich é algo os leitores que acompanham o trabalho de Olivetti podem estar até acostumados, e por isso gostam tanto, mas para aqueles que estão habituados com desenhos mais simples e menos trabalhados e diagramações de quadros mais clássicas terão uma surpresa maravilhosa. O argentino realmente sabe trabalhar com cores e luz e sombra para impressionar, sem contar as suas texturas bem aplicadas e funcionais. Uma passagem que merece destaque e que exemplifica toda a união de talento gráfico como de roteiro, é o sonho esclarecedor de Ich, quando o jovem toma conhecimento que na sua luta contra os colonizadores ele não será o vencedor e mesmo assim ele não vai desistir. Uma sequência maravilhosa.

ICH surpreende pela fantasia e pela crueza dos fatos. Como na história que se conta aqui, passada na América do Sul, a finalidade da igreja e dos colonizadores era destruir os corpos, roubar os tesouros da terra e “salvar as almas”. É como naquele velho ditado “o inferno está cheio de boas intenções”.

Ich
Jambô Editora
Roteiro: Luciano Saracino
Arte: Ariel Olivetti
Tradução: Éder Cabral
Capa cartonada
Acabamento brochura
96 páginas coloridas
Papel couché
17 x 24 cm
R$ 35,00

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2016/06/ich-jambo-1.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2016/06/ich-jambo-1-300x300.jpgFloreal AndradeNas bancas / Nas livrariasAriel Olivetti,Éder Cabral,Ich,Jambô,Luciano SaracinoO escritor inglês Graham Greene no livro “O Americano Tranquilo” fala da colonização moderna e usa como epígrafe as palavras “essa é a época das grandes invenções, todas com uma só finalidade, destruir os corpos e salvar as almas. Mas tudo feito com a melhor das intenções.” Aproveitando o mote...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe