canone_frenteEu já gostava de ler gibis e tinha lido alguns livros, mas o que me fez gostar de dois escritores, um português e um francês foi uma pequena antologia com trechos de romances, poemas, contos e ensaios filosóficos de vários autores. Estou falando respectivamente de Eça de Queiroz e Michel de Montaigne.

Essa referida brochura vendida em bancas de jornais por um preço muito baixo me apresentou, inclusive, alguns escritores de quem nunca tinha ouvido falar. Nela, de Eça de Queiroz já tinha lido e gostado de “A Relíquia” (que pelas mãos de Marcatti, virou uma bela novela gráfica), mais um conto dele me fez procurar e ler outras de suas obras.

Não conhecia a obra de Michel de Montaigne e ao ler o ensaio “De como filosofar é aprender a morrer” comprei um livro de bolso (dois volumes com todos seus ensaios, que tenho até hoje).

E por que eu contei toda essa história? Bem, só para exemplificar que uma coletânea pode ser uma bela porta de entrada para conhecermos clássicos e autores que nunca devam ser esquecidos.

canone_grafico_04Organizado por Russ Kick, o parrudo álbum Cânone Gráfico I – Clássicos da Literatura Universal em Quadrinhos, publicado ano passado pela Boitempo Editorial, na Coleção Barricada, produziu o mesmo efeito que aquela brochura, mas além dos textos, agora temos os artistas gráficos, alguns que nunca tiveram nada publicado aqui no Brasil.

A obra é gigantesca. Vai dos primeiros textos da humanidade até a literatura do Século XX, e esse é só o primeiro de três, que tem Cervantes, Shakespeare, Dante, Jonathan Swift, e entre os ilustradores Crumb, Hunt Emerson, Will Eisner e Peter Kuper.

A Boitempo Editorial acertou em cheio ao colocar junto de cada adaptação, um breve texto com a explicação da obra original. Isso facilita, e muito, o entendimento para quem não está familiarizado com ela, o que, como eu citei no começo do texto, é uma ótima forma de apresentar para os fãs de quadrinhos a diferentes obras e estilos literários.

8b7bc204-1d21-4314-a997-94f57802870eAliás, acredito que isso tenha sido um dos objetivos de Russ Kick ao organizar essa imensa e importante coletânea. Apresentar a um novo público, histórias antigas e clássicas. Não é à toa que Cânone gráfico é encarado também como um instrumento educacional. E Russ apoia essa ideia. “Espero que seja usado dessa maneira. Pode-se dizer que ele levará as pessoas a ler as obras originais da literatura; isso me deixará muito feliz. Mas, no fundo, esta antologia titânica, em três volumes, é uma obra artística e literária independente, um fim em si.”, diz o autor.

Após seu lançamento em 2012, a obra se tornou um best seller nos Estados Unidos. Kick teve o grande mérito de aliar diversidade de estilos literários com a abordagem narrativa dos quadrinhos. Reunindo os três volumes, são mais de cem quadrinistas, ilustradores, serigrafistas e designers gráficos que adaptaram 190 textos literários, filosóficos, religiosos e científicos, inclusive, algumas das adaptações são inéditas.

Escrever aqui mais desse precioso álbum já não é mais necessário. Não tenho mais palavras. Apenas leia. O trabalho de Russ Kick pode, em minha opinião, ser traduzido numa frase de Montaigne, “não faço nada sem alegria”.

Cânone Gráfico I – Clássicos da Literatura Universal em Quadrinhos
Boitempo Editorial – Coleção Barricada
Autores: Hunt Emerson, Peter Kuper, Robert Crumb e Will Eisner
Organização: Russ Kick
456 páginas
R$ 118,00

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/04/canone_frente1-1024x584.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/04/canone_frente1-300x300.jpgFloreal Andradehq que aconteceBoitempo Editorial,Cânone Gráfico,Hunt Emerson,Peter Kuper,Robert Crumb,Russ Kick,Will EisnerEu já gostava de ler gibis e tinha lido alguns livros, mas o que me fez gostar de dois escritores, um português e um francês foi uma pequena antologia com trechos de romances, poemas, contos e ensaios filosóficos de vários autores. Estou falando respectivamente de Eça de Queiroz e...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe