Um pequeno livro de quadrinhos. A capa amarela nos traz um garoto de camiseta vermelha e boné com as mãos nos bolsos e um olhar perdido e ao fundo algumas casinhas de uma pequena cidade ou do subúrbio japonês.

Ok, confesso que quando vi pela primeira vez na livraria Aventuras de Menino nem arrisquei uma folheada rápida. Meses depois num sábado, peguei o ”pocket mangá” da editora L&PM e para minha surpresa li um dos melhores quadrinhos dos últimos tempos!

Antes de tudo, temos que falar que esse álbum faz parte de uma iniciativa que foi a grande novidade da L&PM em 201, que foi entrar na linha editorial dos mangás. A editora que já tem experiência em editar quadrinhos e antologias cobiçadíssimas contou com colaboração e consultoria do tradutor e especialista em mangás Alexandre Boide, e acertou em cheio!

O grande ponto positivo e até podemos dizer como “a grande sacada” foi trazer uma obra que foge do estereótipo que os não conhecedores de mangá estão acostumados, ou seja, se você acha que vai ter gente “elevando o cosmos” ou “liberando o chakra” esqueça! O que você vai ler é uma coletânea em volume único do mangaká Mitsuru Adachi, que conhecido pelas suas comédias românticas e mangás esportivos.

A publicação reúne sete histórias que foram publicadas num período de sete anos (1998 a 2006), e todas falam da infância, o que deu certo e errado, quando os meninos se tornam adultos, as memórias que são despertadas quando se volta ao quarto de criança, fantasmas do passado e a covardia de menino.

Sim, a editora preferiu manter o sistema de leitura como a adotada no Japão, ou seja, manteve a leitura na ordem inversa (de trás pra frente). Isso é bom porque preserva as características da arte original.

Os motivos para se identificar com a narrativa são diversos. O autor consegue promover no leitor uma viagem existencial abordando situações como a falta de habilidade no esporte, um amor dos tempos de escola e até dois sequestradores trapalhões! E tudo isso com um traço bonito e roteiros de simplicidade encantadora, uma forte marca de Mitsuru Adachi.

Por acaso um dos melhores capítulos fala da sorte e se chama “Escada do tempo”, que junto com “Caderno de desenho” foram os que me emocionaram profundamente.

Já reli três vezes “Aventuras de Menino”.

Aventuras de Menino
Título Original: Boken-shonen
L&PM Pocket Mangá
Autor: Mitsuru Adachi
Tradução de Adriana Kazue Sada
Preparação de Alexandre Boide
216 páginas
R$ 15,00

Floreal Andradehq que aconteceAdriana Kazue Sada,Alexandre Boide,Aventuras de menino,L&PM,mangá,Mitsuru AdachiUm pequeno livro de quadrinhos. A capa amarela nos traz um garoto de camiseta vermelha e boné com as mãos nos bolsos e um olhar perdido e ao fundo algumas casinhas de uma pequena cidade ou do subúrbio japonês. Ok, confesso que quando vi pela primeira vez na livraria...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe