trono-de-diamante-David-Eddings-Elenium-Aleph“Sparhawk, cavaleiro de Pandion e campeão da rainha, retorna do exílio para encontrar Elenia dominada pelo mal e sua jovem rainha presa em um bloco de cristal e gravemente doente. Apenas a grande magia de Sephrenia, instrutor de feitiçaria, a manteve viva até agora, e só Sparhawk pode derrotar os planos malignos contra Elenia, e encontrar a cura para salvar sua rainha.”

A editora Aleph tem apresentado bons lançamentos no último ano e atualmente é considerada por muitos uma das editoras mais bem sucedidas aqui no Brasil. Além de repaginarem obras clássicas, é responsável por publicações grandes como Star Wars e Star Trek em terras nacionais, e trabalhando em expansão de mercado, ela trouxe seu primeiro título de fantasia. O Trono de Diamante foi lançado em agosto e vem tomando a frente das prateleiras de grandes livrarias em São Paulo.

Uma trama forte com 400 páginas que voam na mão do leitor, eu mesmo o li em uma semana. O trunfo que diferencia a obra do autor David Eddings são as características dos personagens, que nos fazem criar uma imagem que gere identificação imediata e aproximação. São arquétipos clássicos, a típica lenda do herói. Clássico sem ser clichê.

Na trama, temos logo de cara um protagonista que é considerado por autores e jornalistas, um dos melhores personagens já criados. Após dez anos de exílio, Sir Sparhawk, um cavaleiro da Ordem Pandion, retorna a Elenia, sua terra natal, e a encontra imersa em sombras e destruição. O inescrupuloso membro do Conselho, Annias, manipula o reinado com finos fios visando apenas próprios interesses egoístas.

Milhares de jogadores de RPG ao redor do mundo alegam que o Trono de Diamante é um dos melhores títulos que representam uma aventura grandiosa e concisa, o mais próximo de uma partida de RPG de meses de jogo. O livro é apenas o primeiro volume da trilogia Elenium.

Neste cenário, a soberana Ehlana sofre com uma doença misteriosa que a deixou adormecida e aprisionada em seu trono, protegida por uma barreira de diamante. Sparhawk deve partir em busca de uma cura para a rainha, e para o veneno que se impregnou pelo reinado. Ele não está sozinho. Em sua jornada ele conta com um típico time de campanha de RPG, e o cavaleiro precisará de todo o apoio que os reinos vizinhos possam oferecer…

O livro é de Eddings foi muito bem criticado nos Estados Unidos por leitores experientes em literatura fantasiosa, apesar de ainda crescente no Brasil, a série de Eddings é uma das mais bem sucedidas da atualidade.

Se ainda restam dúvidas, você pode ler um trecho do livro (as 40 primeiras páginas!) no próprio site da Aleph, clicando aqui.

A capa é de Marc Simonetti, o mesmo ilustrador responsável pelas capas da versão de luxo nacional das Crônicas de Gelo e Fogo, de George R. R. Martin, autor que inclusive elogia muito a série.

O Trono de Diamante
Editora Aleph
Autor: David Eddings
Ano 2015 – 1º edição
408 páginas
Acabamento: Brochura
16 x 23 cm
R$ 49,90

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/09/trono-de-diamante-David-Eddings-Elenium-Aleph-1.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/09/trono-de-diamante-David-Eddings-Elenium-Aleph-1-300x272.jpgVini Moreirafora das HQsAleph,David Eddings,Elenium,Marc Simonetti,O Trono de Diamante,Sparhawk'Sparhawk, cavaleiro de Pandion e campeão da rainha, retorna do exílio para encontrar Elenia dominada pelo mal e sua jovem rainha presa em um bloco de cristal e gravemente doente. Apenas a grande magia de Sephrenia, instrutor de feitiçaria, a manteve viva até agora, e só Sparhawk pode derrotar...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe