Visto no Blog dos Quadrinhos

Escrito por: Paulo Ramos

O papel político de Walt Disney e de seus personagens nos países sul-americanos durante o período da Segunda Guerra Mundial foi tema de uma das questões do vestibular da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

A primeira fase do processo seletivo foi realizada neste domingo.

O assunto foi abordado em uma das duas questões da parte de História.

O enunciado reproduzia um trecho do livro “O Imperialismo Sedutor: A Americanização do Brasil na Época da Segunda Guerra”, de Antonio Pedro Tota.

A obra foi lançada em 2000 pela Companhia das Letras. O trecho do livro dizia:

Os animais humanizados de Walt Disney serviam à glorificação do estilo de vida americano. Quando os desenhos de Disney já eram famosos no Brasil, o criador de Mickey chegou aqui como um dos embaixadores da Política da Boa Vizinhança.

Em 1942, no filme ´Alô Amigos´, um símbolo das piadas brasileiras, o papagaio, vestido de malandro, se transformou no Zé Carioca. A primeira cópia do filme foi apresentada a Getúlio Vargas e sua família, e por eles assistida diversas vezes.

Os Estados Unidos esperavam, com a Política da Boa Vizinhaça, melhorar o nível de vida dos países da América Latina, dentro do espírito de defesa do livre mercado. O mercado era a melhor arma para combater os riscos do nacionalismo, do fascismo e do comunismo.

Seguia, logo abaixo desse trecho, um desenho do Pato Donald de braços dados com Zé Carioca, ambos sorridentes.

Os organizadores da questão fizeram duas perguntas aos candidatos:

1.    de acordo com o texto, de que maneira os personagens de Walt Disney serviam à política externa norte-americana na época da Segunda Guerra Mundial?
2.    como o governo Vargas se posicionou em relação à Segunda Guerra Mundial?

Não é a primeira vez que a Unicamp usa quadrinhos como tema de questões de seu vestibular.

É comum a universidade do interior paulista usar tiras cômicas na prova de Língua Portuguesa. Usa esse recurso desde 1990. No vestibular do ano passado, havia uma questão assim.

O inusitado, desta vez, é a leitura crítica sobre o papel de Walt Disney e de seus personagens nos países da América do Sul.

Este jornalista não se lembra de questão similar em exames vestibulares.

A política de Disney surtiu efeito não só no cinema.

No fim da década de 1940, quadrinhos com suas criações começaram a ser publicados na Argentina. Em 1950, passaram a ser editados regularmente no Brasil pela Editora Abril.

São publicados pela Abril desde então.

Nota: agradeço ao leitor Ricardo Yazigi pela dica desta notícia.

Visto no Blog dos Quadrinhos

Renato LebeauquadrinhosPaulo Ramos,Unicamp,vestibular,Walt DisneyVisto no Blog dos Quadrinhos Escrito por: Paulo Ramos O papel político de Walt Disney e de seus personagens nos países sul-americanos durante o período da Segunda Guerra Mundial foi tema de uma das questões do vestibular da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). A primeira fase do processo seletivo foi realizada neste...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe