Uma nova iniciativa para os quadrinhos nacionais está sendo organizada, trata-se do Projeto Excelsior Quadrinhos, encabeçada por Carlos Henry, o editor que já trabalhou no exterior e publicou o Lobo Guará em algumas revistas nacionais.

Projeto é um universo de super-heróis tradicionais, na linha de roteiro e desenho da Era de Bronze (personagens menos darks  e com mais conteúdo, mais realistas, como eram os Marvel anos 70/80),  com historias onde os personagens faziam o leitor se envolver, se emocionar. Histórias onde os heróis não se confundiam com os vilões, mas dentro de uma realidade brasileira. Que visa resgatar um pouco da antiga tradição das histórias fechadas, sem longos e intermináveis crossovers. Eventos, só uma vez ao ano.

Confira o texto de apresentação de Carlos Henry:

“Nos anos 70-80, os super-heróis  tinham valores e linhas de estilo – em texto e desenhos –  diferenciadas entre si, com tramas e  subtramas. Um bom exemplo era a revista Superaventuras Marvel, que  tinha o Demolidor (herói urbano), Novos X-Men (que era FC com heróis renegados), Dr Estranho (misticismo) e Conan (aventura de capa e espada/magia). Queremos trazer este tipo de HQ de super-herói  de volta! HQ curtas de 10-12 páginas, no máximo, ao estilo da revista inglesa 2000 AD, porque não se  precisa de 22 páginas pra contar uma boa HQ ,como os americanos. Leiam Miracleman e Capitão Bretanha,dos ingleses e saberão o que  digo”.Devido as mudança do mercado editorial de quadrinhos e segundo Carlos Henry “hoje em dia, a banca de jornal já não funciona como naquela época, pra vender HQ”, a produção do projeto Excelsior Quadrinhos será centrada nas novas tecnologias, e a Internet  será utilizada a favor da publicação, logo as atividades iniciais se concentrarão no site Núcleo Quadrinhos, mais conhecido como NHQ.

Mas o editor não descarta a possibilidade de impressão, por isso está convocando roteiristas, desenhistas, artefinalistas, letristas e coloristas para este projeto. Quem tiver interesse deve entrar em contato diretamente com Henry.  O editor esclarece que por hora, não existe remuneração, existem possibilidades, todo depende da aceitação da revista.

Henry avisa que a revista de estréia do selo Excelsior Quadrinhos, que será Rasga Mortalha, mas existem três personagens na fila para serem publicados: o grupo Panteão, Rasga-Mortalha, Alma e Homem-Térmico. Ainda vem por aí, Bruthus-gigante de ébano, Vigilantes do Verde e Afro-Gêmeos.

A arte que ilustra este post foi feita por Lex Laino (desenho), Samir Coza (arte-final) e Djota (cores), e apresenta o super-grupo Panteão, Rasga Mortalha, Alma e Homem Térmico.

Renato LebeauquadrinhosCarlos Henry,Djota,Excelsior Quadrinhos,Lex Laino,NHQ,Samir CozaUma nova iniciativa para os quadrinhos nacionais está sendo organizada, trata-se do Projeto Excelsior Quadrinhos, encabeçada por Carlos Henry, o editor que já trabalhou no exterior e publicou o Lobo Guará em algumas revistas nacionais. Projeto é um universo de super-heróis tradicionais, na linha de roteiro e desenho da Era...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe