Quadrinhista Rafael Coutinho tenta viabilizar segunda temporada da série por meio de financiamento colaborativo

O quadrinhista e artista plástico, Rafael Coutinho, co-autor e desenhista da graphic novel Cachalote (Cia. das Letras), editor do selo Cachalote e dono da Narval Comix, loja virtual de quadrinhos, pretende produzir a segunda temporada de O Beijo Adolescente, e para isso, ele inscreveu o projeto no site Catarse, que promove o financiamento colaborativo (crowdfunding).

O Beijo Adolescente é uma série que teve início em 2011 na web pelo portal do IG e impressa de forma independente pelo selo Cachalote. O sucesso foi tamanho que em seis meses os 1000 exemplares impressos foram esgotados. Rafael deseja fazer a segunda temporada toda independente e publicá-la como uma web-série e ao final imprimir a continuação do mesmo modo como realizada a primeira edição.

“A trama está toda pronta, mas sem nenhuma paginação. Sei o que vai acontecer, e me reservo alguns espaços criativos pra bolar conforme a coisa anda, senão engessa demais. Dessa vez a história gira em torno do Ariel, em seu aniversário de 17 anos. Ele é um ícone pop agora, uma figura quase mitológica na mídia”, disse Rafael Coutinho para o Impulso HQ.

E o autor revela mais informações para a próxima temporada: “O problema é que o Beijo anda em descrédito, com sub-grupos clamando voz de comando no mundo mercadológico de criação de poderes adolescentes. E os ataques aos adolescentes continuam, só que dessa vez, outras figuras apareceram. E vamos daí”, disse Rafael, que completou dizendo o qual foi a sua maior surpresa com a primeira temporada.

“Me surpreendeu o fato que a série agradou mais os adultos do que adolescentes. Viajei muito ano passado e no começo desse ano, sempre com o Beijo embaixo do braço, e fiquei muito feliz em ver que de alguma forma o universo que criei pensando nos adolescentes falava muito com gente da minha idade. Acho que se encaixa bem naquele tipo de material que vamos atrás com certa nostalgia, que conversa com a adolescência dos anos 80, 90. E fala um pouco de algo grande que não deu certo, ou que está ruindo de algum modo, o que tem muito a ver com a minha geração. Das aptidões que tínhamos quando éramos garotos e não temos mais, e uma certa vontade de ver o jogo virar, de provar que não foi a melhor época da vida, que ela ainda está por vir. Vivemos numa época de juventude tardia e eterna, dá pra sentir algo do tipo“, completou o quadrinhista.

O autor tem dois meses para captar R$ 32.000 com a ajuda do Catarse, fãs, familiares, amigos e leitores. É possível contribuir com qualquer valor entre R$ 10 e R$ 5.000, e dependendo da sua contribuição você ganha alguns produtos exclusivos que variam desde receber via e-mail exclusivamente os capítulos de O Beijo Adolescente 2 antes da publicação oficial até até virar personagem da HQ.

Gostou da primeira temporada de O Beijo Adolescente e não vê a hora de chegar a segunda? Então a cesse a página de O Beijo Adolescente no Cartarse.me, clicando aqui.  Na página de O Beijo Adolescente no Catarse.me você confere um vídeo onde autor explica sobre projeto e uma storyline da segunda temporada.

Veja a resenha HQB de O Beijo Adolescente, clicando aqui.

Renato LebeauquadrinhosCatarse,O Beijo Adolescente,Rafael CoutinhoQuadrinhista Rafael Coutinho tenta viabilizar segunda temporada da série por meio de financiamento colaborativo O quadrinhista e artista plástico, Rafael Coutinho, co-autor e desenhista da graphic novel Cachalote (Cia. das Letras), editor do selo Cachalote e dono da Narval Comix, loja virtual de quadrinhos, pretende produzir a segunda temporada de...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe