No final da década de 1960, período relativa à chamada Era de Prata das HQs, surgia uma equipe que viria a ter diversas formações desde que Aquaman, Lanterna Verde (Hal Jordan), Mulher Maravilha, Caçador de Marte e Flash (Barry Allen) se uniram para deter a ameaça cósmica representada por Starro, a estrela do mar gigante alienígena, e perceberam as vantagens do trabalho em equipe.

Assim, nasceu a Liga da Justiça, sem dúvida a maior e mais poderosa equipe de heróis do Universo DC, que em suas fileiras figuram desde a “trindade” dos quadrinhos da editora estadunidense até novos personagens. Estar à frente desse time, com certeza, não é nem nunca foi tarefa fácil pra ninguém, por mais “super” que este seja.

E, não por acaso, a maioria das pessoas tende a crer que o Superman sempre foi o único líder dos justiceiros, mas a história (ou cronologia) mostra que não foi nem é bem assim… Pelo menos não sempre. Acompanhe a trajetória dos personagens que já lideraram a portentosa equipe ao longo da cronologia DC em vigor.

Flash (Barry Allen) – Em Liga da Justiça Ano I, arco escrito por Mark Waid (de Reino do Amanhã) mostrou a reunião do Flash Barry Allen, Lanterna Verde Hal Jordan, Aquaman, Caçador de Marte e… Mulher Maravilha? Não! Canário Negro! A formação inicial da equipe tem FLASH Barry Allen como primeiro líder da equipe.

Superman e Batman ingressaram na equipe praticamente na aventura seguinte e as alterações promovidas pelos “socos” do Superboy Primordial na “parede cronológica” do Universo DC desencadearam uma série de mudanças na continuidade – dentre elas o fato de que a Princesa Amazona da Ilha Paraíso, de fato, estivesse entre os integrantes originais do grupo… De qualquer forma (e até segunda ordem) Barry é tido como o primeiro líder da Liga.

Nos anos seguintes entraram para equipe heróis como Arqueiro Verde, Elektron, Gavião Negro e Mulher-Gavião, Zatanna, Homem-Elástico, Tornado Vermelho e Nuclear da caverna que servia de base de operações em Happy Harbor, Long Island, eles foram para um satélite 36.000 km acima da Terra.

Aquaman – O Flash Barry Allen morreu na saga Crise nas Infinitas Terras destruindo um canhão de antimatéria… (como é de praxe na comunidade heróica, ele voltou à vida recentemente), mas o caso é que após a destruição do satélite da Liga, seus membros ocilavam tanto em participação e interesse que Aquaman tomou uma decisão radical: desfazer a equipe… Para reagrupá-la em seguida apenas com membros 100% comprometidos.

Essa fase, conhecida como “Era Detroit”, pois a equipe passou a ter a cidade do Robocop como base de operações (sem lutar uma única vez contras as impiedosas investidas capitalistas da OCP, malditos) é considerada um fiasco.

Embora bem intencionado, o herói dos 7 mares conseguiu apenas heróis como Vibro, um latino chefe de gangue, Gládio, herdeiro do legado de um herói homônimo do passado, Cigana, uma garota que fica invisível, Víxen, dotada da capacidade de invocar habilidades dos animais por meio de um totem… Caçador de Marte, Zatanna e Homem-Elástico ficaram pra dar uma força, mas, verdade seja dita, não tinha como dar certo.
Aquaman foi um líder dedicado para uma Liga pífia, cuja maioria dos membros morreu esmagado em combate.

Batman (1ª. liderança) e Caçador de Marte – Em Lendas, saga ilustrada por John Byrne, a Liga da Justiça foi reestruturada com bastante potencial. Estavam lá: Batman, Sr.Destino, Capitão Marvel, Lanterna Verde Guy Gardner, Canário Negro, Besouro Azul, Doutora Luz, Caçador de Marte… E logo ingressaram para o Gladiador Dourado, Soviete Supremo, Fogo, Gelo, Poderosa e outros personagens que viriam a compor a fase humorística da equipe – não obstante, Batman delegou a liderança da equipe para o marciano, acreditando que uma força de caráter internacional precisava de um líder além das questões terráqueas.

Batman (2ª. liderança) e Superman – Na fase escrita por Grant Morisson, Bruce Wayne foi, simultaneamente, líder e mentor dos Justiceiros, posto que em N circunstâncias foram seus planos que livraram a equipe de vilões e planos de dominação global, mas era o Superman quem figurava como líder diplomático da equipe, seguido do Flash Wally West, que a despeito de sua juventude era um herói experiente e de, digamos, raciocínio rápido. Um equilíbrio interessante e coeso.

Superman e Mulher Maravilha – Durante a fase escrita e desenhada por Dan Jurgens, o homem que matou o Superman, o último filho de Krypton esteve à frente da Liga indicado por Batman. A Liga nesse período era composta por Fogo, Gelo, Gladiador Dourado, Besouro Azul, Bloodwynd, Guy Gardner (com o anel amarelo de Sinestro) e Máxima.

Após a morte do Homem de Aço, a Mulher Maravilha ocupou seu lugar. Besouro Azul, Gladiador Dourado, Fogo e Gelo se afastaram como conseqüência da batalha contra o Apocalipse e novos membros foram recrutados como um jovem e moderno Condor Negro, o foragido Agente da Liberdade e o adolescente superpoderoso Ray.

Caçador de Marte (e Bruce Wayne) – Força Tarefa Liga da Justiça era uma versão não-oficial da Liga requisitada pelo governo dos EUA em situações diplomaticamente difíceis. Em tais ocasiões, o marciano solitário da DC comandou Cigana, Asa Noturna, Aquaman assim como Bruce Wayne (não como Batman) o fez com Tigre de Bronze, Cigana e Arqueiro Verde em situação semelhante.

Canário Negro (e a Trindade) – Quando o renomado escritor Brad Meltzer (de Crise de Identidade) reestruturou a Liga frisando a influência da Trindade (Superman, Batman e Mulher Maravilha) ao longo de toda a história do grupo, ele surpreendeu a todos emancipando a Canário Negro a condição de líder.

Não obstante, a liderança da Sra.Arqueiro Verde enfrentou um desafio maior que qualquer vilão: a falta de moral diante dos demais Justiceiros. A ineficácia da equipe foi problematizada em roteiros que ousaram colocar o dedo na ferida e mesmo a formação das mais poderosas definhou diante da iniciativa de Hal Jordan e Oliver Queen em formarem sua própria Liga paralelamente.
Geoforça, Batman, Superman, Tornado Vermelho, Hal Jordan, Arqueiro Vermelho, Moça-Gavião, Lanterna Verde John Stewart, Mulher Maravilha, Víxen, Flash (Wally West) Nuclear e Raio Negro fizeram parte dessa equipe.

Capitão Átomo – Liga Europa e “Justiça Extrema” tiveram o soldado americano envolto pela característica pele metálica como líder. No primeiro caso, o herói atômico liderou figuras como a voluptuosa Raposa Escarlate, Poderosa, Flash Wally West, Metamorfo e Homem-Elástico.

No outro, um bando de heróis ao estilo Image, tipicamente influenciado pelos quadrinhos da década de 1990 como a poderosa Máxima de Almerac, o Admirável, Besouro Azul, Gladiador Dourado e Nuclear… Todos em versões “iradas” (se é que me entende).

Lanterna Verde Hal Jordan (e Batman) – Na Liga Europa composta por Metamorfo, Homem-Elástico, Aquaman, Raposa Escarlate, Poderosa, Poderosa, Doutora Luz, Flash Wally West e a Mulher Maravilha como membro reserva de luxo, Hal Jordan dava as cartas, mas na sua ausência, o papel era desempenhado pelo Homem Morcego de Gotham… Curiosamente, nenhum dos heróis era, de fato, europeu. A equipe teve sedes em Londres e Paris.

Donna Troy – A fase da Liga reúne muitos jovens heróis que pertenceram aos Novos Titãs, como a líder Tróia, o Batman Dick Grayson, Ciborgue e Estelar somados ao talento de veteranos como Hal Jordan, Oliver Queen, Congorilla, Dourora luz, Starman e o Guardião. Mon El está no lugar do Superman nessa Liga em que têm ocorrido aparições freqüentes de heróis de outras encarnações da equipe.

Dennis RodrigoquadrinhosAquaman,Batman,Brad Meltzer,Caçador de Marte,DC Comics,Flash,John Byrne,Lanterna Verde,Liga da Justiça,Mark Waid,mulher maravilha,SupermanNo final da década de 1960, período relativa à chamada Era de Prata das HQs, surgia uma equipe que viria a ter diversas formações desde que Aquaman, Lanterna Verde (Hal Jordan), Mulher Maravilha, Caçador de Marte e Flash (Barry Allen) se uniram para deter a ameaça cósmica representada por...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe