58

Edu Medeiros, Rafael Albuqueruqe e Mateus Santolouco

Para a post de entrevistas relacionadas ao FIQ!2009 de hoje separamos o bate-papo com os quadrinhistas Rafael Albuquerque, Matheus Santolouco e Edu Medeiros, responsáveis pela trilogia Sexo, Drogas e Rock in roll, que foi lançada de maneira independente e que tem recebido excelentes críticas da mídia especializada.

Durante o sexto Festival Internacional de Quadrinhos, o trio lançou Encore a sua nova investida nos quadrinhos independentes e o Impulso HQ aproveitou o bate-papo para falar sobre os planos do grupo, como funciona a produção a seis mãos, os planos de lançar a trilogia de maneira encadernada no exterior e os próximos projetos que já estão em andamento.

Não deixe de conferir os links para as galerias de imagens do FIQ!2009 no fim do post!

Acompanhem a entrevista:

IHQ: Vocês estão lançando a Encore aqui no FIQ!, qual a diferença entre essa nova publicação e a trilogia Sexo, Drogas e Rock in roll?
Power trio:
A principal diferença é tecnicamente. Essa é a primeira revista que desenhamos junto o tempo inteiro. Anteriormente misturamos o desenho de cada um nos previews, e nessa publicação isso na revista inteira, e dessa vez é só uma história, não tem divisão em capítulos, e em termos de história ela foca os personagens da banda Demo que ficaram de pano de fundo, nas primeiras três revistas.

O principal é que nós desenhamos a história inteira dividida por nós três, em certos momentos desenhos até na mesma página.

IHQ: Qual é a história que se passa em Encore?
Power trio:
A história se passa cinco anos depois que Van Rudson morreu, e tem um repórter montando a biografia do cantor, e ele vai atrás dos membros remanescente da banda para entrevistá-los.

Seria como se fosse a versão de cada um de como começou a bando e a impressão de cada um sobre o Van Rudson.

IHQ: Os planos para lançar a trilogia encadernada lá fora se concretizaram? Como andam as negociações?
Power trio:
Estamos em negociações, tanto com uma editora americana, e também com uma nacional, não posso adiantar nada porque não temos nada confirmado, mas em breve iremos já revelar alguma coisa.

Esperávamos uma confirmação antes do FIQ!, mas acabou não acontecendo mas agora estamos esperando outras, mas de qualquer forma nós vamos lançar o encadernado, isso é uma coisa que continuamos na cabeça. Tanto lá fora como no Brasil se tiver alguma editora que queira apoiar para fazer o encadernado ficaremos felizes, mas se não rolar nós iremos fazer por nós mesmo.

05

IHQ: Depois da Encore, quais são os próximos planos?
Power trio:
Dentro de Cabaret tem um preview da revista que estaremos produzindo a partir do ano que vem que é a Edu em Apuros, que é na verdade a primeira história que escrevemos no Mundo Urbano foi ela, mas decidimos adiantar e fazer umas revistas antes, mas o negócio ficou maior do que tínhamos previsto.

Ela vai ser como uma graphic novel, não vai ser uma trilogia, não vai ter a mesma dinâmica de Sexo, Drogas e Rock in Roll, mas tudo dentro do mesmo universo.

A história é um desdobramento de uma das histórias da Trilogia.

IHQ: A trilogia teve uma grande aceitação do público, e foi um grande sucesso. Como foi para vocês receberem todos os elogios e críticas positivas? Vocês esperavam?
Power trio:
Não esperávamos. Foi surpreendente. É claro que estamos confiantes no trabalho, a partir do momento que estávamos gostando de produzir. Mas principalmente em termos de venda que eu pensei que não ia acontecer, e está indo bem, as revistas estão saindo e quase esgotando.

Acho que pela trama ser rápida e ser toda facetada, vai e volta no tempo, não é uma narrativa linear, o que é algo não muito fácil de entender, gerou até uma certa insegurança da gente lançar o material, mas vimos que o público entendeu a história e gostaram do projeto, o que nos deixou mais confiantes.

Estamos deixando essa receptividade para dar mais confiança para não encerrar a coisa por completo. Continuaremos sempre continuando as histórias com as idéias que já estamos pensando.

32

IHQ: Como é a produção em trio? Como é o processo?
Power trio:
Não é difícil. A gente tem uma idéia básica que cada um é bom para certos momentos, então tentamos dividir isso conforme cada estilo de cada um.

O processo é simples. A gente se reuni para conversar sobre a história, então as vezes temos um obstáculo na história então precisamos solucionar isso. Escrevemos brevemente juntos, não chega a ser um roteiro especifico da coisa, solucionamos o problema e depois fazemos a separação do roteiro de acordo com cada um.

Se for uma situação mais cotidiana, trata mais do personagem sem muita ação, o Edu faz porque ele tem uma pegada que é super boa para isso, uma cena mais densa é o Rafael que faz com o seu traço que valoriza mais isso, e as coisas de ação que ainda são humoradas, que não caem nem para o pesado e nem para o leve sou eu que faço.

A gente tenta dividir dentro de uma dinâmica pré-definida de roteiro, escrevemos primeiro a história e depois fazemos a análise para selecionar quem funciona melhor para cada parte da narrativa.

E não se importando com quem desenha mais ou não, é conforme a história pede, um desenha mais ou outro não. Não tem essa regra.

Em Sexo, Drogas e Rock in Roll teve um pouco disso, mas a partir de agora vai ter menos.

Na Cabaret já se senti isso, já tem uma diferença de volume de trabalho de um para o outro que foi o que a história pediu para manter a dinâmica.

______________________________________

Confira as galerias de imagens sobre o FIQ! 2009:

Galeria 1 | Galeria 2 | Galeria 3 | Galeria 4

Renato Lebeauquadrinhoscabaret,Drogas,Edu Medeiros,Encore,Festival Internacional de Quadrinhos,FIQ,Matheus Santolouco,Rafael Albuquerque,Rock in roll,SexoEdu Medeiros, Rafael Albuqueruqe e Mateus Santolouco Para a post de entrevistas relacionadas ao FIQ!2009 de hoje separamos o bate-papo com os quadrinhistas Rafael Albuquerque, Matheus Santolouco e Edu Medeiros, responsáveis pela trilogia Sexo, Drogas e Rock in roll, que foi lançada de maneira independente e que tem recebido excelentes...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe