Guardada por 20 anos como molde de cera, essa será a primeira exibição mundial da peça, graças ao esforço de uma brasileira. Com mais de 100 originais, exposição ‘O Espírito Vivo de Will Eisner’ segue para São Paulo em novembro

A documentarista Marisa Furtado e a organização do Rio Comicon negociaram com a família do americano Will Eisner e conseguiram a liberação da estátua do personagem Spirit, feita pelo próprio quadrinhista, em parceria com o artista plástico polonês Peter Poplasky, para exibição no Rio Comicon.

Guardada por 20 anos no molde em cera, o material finalmente foi fundido em bronze, especialmente para esta primeira aparição pública no mundo.

Sobre a demora na fundição da peça, o norte americano Denis Kitchen, editor da obra de Eisner há mais de 30 anos, explica que “Quando a peça foi esculpida em cera, no início dos anos 90, o mercado de quadrinhos estava passando por um amplo crescimento, mas a fundição em bronze era muito cara. Minha editora (Kitchen Sink Press) chegou a produzir uma escultura de bronze de um personagem de Xenozoic Tales, de Mark Schultz, mas só vendemos duas ou três unidades. Então eu disse ao Will Eisner para esperar. Na verdade, este era o tipo de item para galerias de arte”.

E o que o fez mudar de ideia? “A cineasta Marisa Furtado esteve nos Estados Unidos para me entrevistar para um documentário que estava produzindo sobre Eisner. Ela viu o molde da escultura, adorou, e nunca se esqueceu dela. No ano passado, quando a exposição começou a se desenhar, ela insistiu para que finalizássemos a escultura e eu não pude discordar. A família de Eisner também ficou muito feliz de finalmente ver a peça pronta. E foi assim que a história virou realidade: pelo esforço de uma mulher brasileira de temperamento forte e que é fã de Eisner”. Não à toa, Kitchen e Marisa Furtado dividem a curadoria da exposição.

“O espírito vivo de Will Eisner” vai contemplar, ainda, um acervo de 106 originais do mestre dos quadrinhos – que, pela primeira vez, serão exibidos no hemisfério sul. Com destaque para a última história completa do Spirit desenhada pelo Eisner – que, durante 53 anos, se recusou a desenhar o personagem.

O Rio Comicon acontece entre os dias 20 e 23 de outubro, na Leopoldina. De 15 de novembro a 18 de dezembro, a mesma exposição estará no Centro Cultural São Paulo, para encerrar as comemorações dos 20 anos da Gibiteca Henfil.

Renato LebeauquadrinhosMarisa Furtado,Peter Poplasky,Rio Comicon,Spirit,Will EisnerGuardada por 20 anos como molde de cera, essa será a primeira exibição mundial da peça, graças ao esforço de uma brasileira. Com mais de 100 originais, exposição ‘O Espírito Vivo de Will Eisner’ segue para São Paulo em novembro A documentarista Marisa Furtado e a organização do Rio Comicon...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe