Obra do premiado autor Shau Tan e vencedora de Oscar de Curta de Animação fala sobre consumismo e burocracia

O livro de quadrinhos A coisa perdida — que inspirou o filme de mesmo nome, vencedor do Oscar 2011 na categoria Melhor Curta de Animação — chega ao mercado brasileiro em uma belíssima e cuidadosa edição da SM. Esta é a terceira obra do grande autor e ilustrador australiano Shaun Tan publicada pela editora, que já conta com os títulos A chegada e A árvore vermelha.

Em A coisa perdida, um garoto descobre uma estranha criatura, meio máquina meio bicho, enquanto recolhe tampinhas de garrafa para sua coleção. Supondo-a perdida, ele tenta descobrir sua origem a fim de lhe dar um destino menos inglório que o ferro-velho. O problema é a indiferença dos outros, relutantes em prestar atenção ao enorme objeto vermelho, verdadeiro estorvo à rotina.

A narrativa trabalha em chave alegórica as contradições de uma sociedade paradoxalmente submetida ao controle do Estado e aos ditames do mercado, dando um tratamento crítico, mas bem- humorado, a temas como censura, burocracia e consumismo.

Ilustrada sobre reproduções de antigos manuais técnicos, a obra enfatiza a hostilidade contra o que não se encaixa na cadeia produtiva nem confirma o senso comum. A mistura de técnicas – pintura, desenho colagem – opera com vários níveis de informação visual e escrita, atraindo a atenção do leitor para detalhes, o que se contrapõe ao olhar embotado da maior parte dos personagens da história.

A coisa perdida obteve Menção Honrosa da Feira Internacional do Livro Infanto-juvenil de Bolonha, Itália, e o Prêmio CBCA (Children’s Book Council of Australia). Em 2001, Tan foi nomeado Melhor Artista no World Fantasy, Montreal, Canadá, pelo conjunto da obra e trabalhou ainda em filmes de animação dos estúdios Blue Sky e Pixar.

A coisa perdida
Coleção: SM/ Quadrinhos
Autor-ilustrador: Shaun Tan
Tradutor: Sérgio Marinho
Indicação de faixa etária: a partir de 12 anos

Renato LebeauquadrinhosA coisa perdida,Edições SM,Sérgio Marinho,Shaun TanObra do premiado autor Shau Tan e vencedora de Oscar de Curta de Animação fala sobre consumismo e burocracia O livro de quadrinhos A coisa perdida -- que inspirou o filme de mesmo nome, vencedor do Oscar 2011 na categoria Melhor Curta de Animação -- chega ao mercado brasileiro em...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe