publico_02

No último sábado, dia 14 de fevereiro, aconteceu a entrega do 25º Prêmio Angelo Agostini, que foi realizado no Senac Consolação.

Com 25 anos de tradição, e organizado por Worney, o evento foi um grande dia para os quadrinista que receberam os seus devidos prêmios quanto para o público que pode conhecer e estar em contato direto com grandes mestres das HQs nacionais.

O Impulso HQ esteve lá e além dos contatos dos quadrinistas para entrevistas, conseguiu novas HQs para futuras resenhas na coluna de Alexandre Manoel, fiquem ligados.

O sábado começou com a exibição da primeira animação nacional a Sinfonia Amazônica, de 1953, produzida por Anélio Latini Filho.

palestra_moya

Álvaro de Moya

Logo após subiu no palco o professor Álvaro de Moya, uma grande lenda do quadrinho nacional, e começou a sua palestra sobre o pioneirismo de Anélio Latini Filho em produzir quase que sozinho a animação exibida.

Entre os pontos altos da palestra a passagem pela época de ditadura no Brasil e como esse período limitou a produção cultural e a liberdade de imprensa, o que fez o país ficar três séculos atrasados culturalmente em relação aos outros países da América Latina.

E reforçando o assunto pioneirismo, o grande mestre alertou para quem quiser continuar trabalhando com quadrinhos que não pense pequeno e nem seja limitado, deve-se pensar ao mesmo tempo no quadrinho e na sua transposição natural para outras mídias como animação e Internet.

palestra_cagnin

Antonio Luiz Cagnin

Dando seqüência as palestras foi à vez de outra lenda dar uma lição sobre os 140 anos da primeira publicação de As aventuras de Nhô Quim ou Impressões de Uma Viagem à Corte de Ângelo Agostini, com o professor Antonio Luiz Cagnin, maior apaixonado e especialista no assunto.

Passando por toda a história do desenhista que dá o nome a premiação, e pela técnica gráfica da época a litografia, Cagnin também ressaltou o pioneirismo de Agostini ao fazer a primeira reportagem em HQ do Brasil.

manoel_souza

Manoel de Souza, Mundo dos Super-heróis

Após as palestras, alguns editores e quadrinistas subiram no palco para divulgar as suas publicações, entre eles estavam Alex Mir, Manoel de Souza, Marcos Wenceslau, Will, Dedo Zuka, Leandro Robles, Hamilton Tadeu e outros.

will_-entrega_premio_morettini

Moretinni de azul recebe o prêmio de Will

Dando seqüência ao evento foi a hora da premiação que se iniciou com os vencedores de Mestres do Quadrinho Nacional, foram eles: Seabra, Moretinni, Mozart Couto, Deodato, Watson Portela e Emir Ribeiro, os quatro últimos citados infelizmente não estavam presentes.

daniel_esteves_recebe_premio

Daniel Esteves de vermelho, recebe o prêmio de Floreal

Daniel Esteves, recebeu o premio de Melhor Roteirista, e fez um discurso emocionado sobre a sua infância e agradeceu aos amigos e a sua mãe.

laudo_recebe_premio_tianinha

Laudo Ferreira recebe o prêmio de Tianinha

Em seguida foi a vez da surpresa do evento, Laudo Ferreira ganhador do troféu pela categoria de Melhor Desenhista do ano, recebeu o premio das mãos de sua própria criação, a personagem Tianinha (atriz Adriely Moreira).

baraldi_recebe_premio

Baraldi recebe o prêmio de Fábio Sales (HQ além dos Balões)

Pela terceira vez consecutiva Baraldi subiu no palco para receber o prêmio de Melhor Cartunista, e fez um discurso contando sobre a sua história e as dificuldades que todo quadrinista passa, e mostrou fotos de uma antiga edição do Angelo Agostini em que ele e Marcatti tocavam em uma banda de rock e animavam o evento.

edgar_guimaraes_recebe_premio

Edgard Guimarães de azul, recebe o prêmio de Marcos Wenceslau de vermelho

Edgard Guimarães recebeu o prêmio de Melhor Fanzine e em seguida Fábio Lyra, diretamente do Rio De Janeiro, recebeu o prêmio de Melhor Lançamento, pelo livro Menina Infinito.

4_mundo_recebe_premio

Membros do Coletivo 4º Mundo

O Quarto Mundo foi o vencedor do Troféu Jayme Cortez, em contribuição ao quadrinho nacional.

Com a finalização do evento o público aproveitou para conferir as novidade da banca do Quarto Mundo que estava presente, conversar e dar boas risadas.

lyra_autografa

Fábio Lyra, autografa álbum na HQ Mix Livraria

E o sábado não acabou por ai, pois logo em seguida teve o lançamento do álbum Menina Infinito, de Fábio Lyra, que fez uma noite de autógrafos na HQ Mix Livraria que fica perto do Senac Consolação.

O sábado ficou registrado como um grande dia de comemoração e que venha mais premiações do Sto. Ângelo Agostini, padroeiro dos quadrinistas.

Renato LebeauAlex Mir,Anélio Latini Filho,Angêlo Agostini,Antonio Luiz Cagnin,Álvaro de Moya,Baraldi,Daniel Esteves,Dedo Zuka,Deodato,Edgard Guimarães,Emir Ribeiro,Fábio Lyra,Hamilton Tadeu,HQ Mix Livraria,Jayme Cortez,Laudo Ferreira,Leandro Robles,Manoel de Souza,Marcatti,Marcos Wenceslau,Menina Infinito,Moretinni,Mozart Couto,Quarto Mundo,Seabra,Senac,Sinfonia Amazônica,Watson Portela,Will,WorneyNo último sábado, dia 14 de fevereiro, aconteceu a entrega do 25º Prêmio Angelo Agostini, que foi realizado no Senac Consolação. Com 25 anos de tradição, e organizado por Worney, o evento foi um grande dia para os quadrinista que receberam os seus devidos prêmios quanto para o público que...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe