fanzinesO que é fanzine? Como se faz? Fanzine é Arte?

São esses questionamentos que deram início ao livro (muito interessante) de William de Lima Busanello, “Fanzine como Obra de Arte – da subversão ao caos”, lançado recentemente pela editora Marca de Fantasia. Além de professor de história, William Busanello é fanzineiro.

Antes de escrever sobre o livro não posso deixar de comentar sobre a capa “Monalisa Overdrive” de Isaac Santos, uma verdadeira obra de arte!

E aí sim começamos uma viagem ao mundo alternativo. O objetivo central deste livro é analisar as ideias e somas contra culturais e fora de uma mídia de massa. Só poderia vir de um fanzineiro um livro como esse, rico em detalhes e cheio de entusiasmo.

O livro conta resumidamente e muito pontual a história dos Fanzines, numa retrospectiva poética. Fanzines, artefatos cheios de criatividade, experimentos, flexíveis e libertários. Em suas páginas o Fanzine é exposto em sua trajetória, poética, ilustrada, política, engajada, provocativa e camaleônica.

O fanzine é um registro importante cheio de recortes e flexibilidades dos movimentos de contracultura mutável em seus processos criativos e estéticos, seja ele feito de forma individual ou coletiva. Suas fortes influências em movimentos artísticos e comportamentais como a literatura, os quadrinhos, a música e o movimento punk que o agregaram tão bem, tornam o fanzine não só uma arte mais um estilo de vida.

O autor demonstra como o fanzine é um expoente de uma arte simples e que objetiva uma necessidade de expressar e compartilhar ideias e possibilidades. Como meio de comunicação, consolida a porta de entrada para outras formas de expressão e artes.

O livro cita também quem são os protagonistas atuais do fanzinato brasileiro como, por exemplo, a Ugra e a Fanzinada e também Marcio Sno com seus documentários.

O livro é super indicado para pesquisadores de arte, comunicação e claro para quem quer saber mais sobre fanzines.

Como citado, a obra é um lançamento da editora Marca de Fantasia e está super baratinhoooo, apenas R$15,00. Para adquirir o seu entre em contato com a editora pelo email [email protected] ou com o próprio autor no [email protected].

Fanzine como obra de arte: da subversão ao caos
Editora Marca de Fantasia – Série Quiosque, 40
Autor: William de Lima Busanello
13x20cm
60 páginas
R$15,00

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/11/fanzines-1.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/11/fanzines-1-300x300.jpgThina Curtisindependentesfanzine,Fanzine como obra de arte,Marca de Fantasia,William de Lima BusanelloO que é fanzine? Como se faz? Fanzine é Arte? São esses questionamentos que deram início ao livro (muito interessante) de William de Lima Busanello, “Fanzine como Obra de Arte – da subversão ao caos”, lançado recentemente pela editora Marca de Fantasia. Além de professor de história, William Busanello é...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe