cinema_hq_parte_7

Wood & Stock – Sexo, Orégano & Rock’n’roll: A idéia de transpor os personagens de quadrinhos do cartunista Angeli é sensacional. Seus personagens fazem parte da História do Quadrinho Nacional e estão no imaginário dos leitores das décadas de 80 e 90. Assim, parabéns ao Otto Guerra pela iniciativa.

O filme é bacana, embora com um enredo simples e trilha sonora aquém  da grandeza dos personagens, com exceção para “Lugar do Caralho”, que  entrou no lugar certo e na hora certa. As citações aos ídolos da música – Led Zeppelin, e dos quadrinhos – Crumb & Shelton, foram bem apropriadas e estão dentro do contexto da obra. Não ficou um super filme, mas vale conferir!

Transformers: Confesso que não pretendia assistir a este filme. Em primeiro lugar porque não acompanhei a série animada que fez bastante sucesso na TV; segundo, embora alguns bons desenhistas tenham quadrinizado os desenhos animados, nunca me interessei em ler as HQs. Mas, assisti ao filme e achei bem legal.

Não é daqueles que você coloca na lista dos melhores, mas a trama é interessante, as explicações científicas bem construídas e o roteiro perfeitamente amarrado. Pena que a luta entre os robôs Primus e Megatron não tenha dado o efeito esperado para a chamada “batalha final”.

Os Simpsons – O Filme: Superação! Essa é a palavra para definir o filme da família mais hilária da TV. Após 20 anos de série televisiva fiquei na expectativa do que poderiam aprontar os bonequinhos de Matt Groening, pois acreditava que não poderia mais haver surpresas.

Mas teve! As cenas do “porco-aranha” e do passeio de skate com Bart após uma aposta escrota com Hommer são impagáveis. E o que dizer do colecionador de gibis perto do fim do mundo?! Ótimo filme, muito divertido!

Speed Racer: O filme dos irmãos Andy & Larry Wachowski é baseado na famosa série animada dos anos 1960 que encantou várias gerações e que por sua vez foi inspirada na HQ de Tatsuo Yoshida.

Mesmo procurando ser o mais fiel possível ao desenho animado – caracterização dos personagens, réplica dos carros, originalidade da história, não deixaram de ser atualizados.

As corridas lembraram muito os Hot Wheels, famosos carrinhos colecionáveis e suas pistas mirabolantes. Isto inclusive fez, para mim, um efeito negativo, pois me distanciou do desenho animado que tanto admirava na infância e procurei revê-los agora já adulto.

Ilustração: Anderson Ferreira (Alvorada/RS)
Tratamento Digital: Alex Doeppre (Novo Hamburgo/RS)

Denilson ReisindependentesAlex Doeppre,Anderson Ferreira,Andy Wachowski,Angeli,Denilson Reis,Hot Wheels,HQs,Larry Wachowski,Matt Groening,Otto Guerra,realidade alternativa,Simpsons,Speed Racer,Tatsuo Yoshida,Transformers,Wood & StockWood & Stock – Sexo, Orégano & Rock’n’roll: A idéia de transpor os personagens de quadrinhos do cartunista Angeli é sensacional. Seus personagens fazem parte da História do Quadrinho Nacional e estão no imaginário dos leitores das décadas de 80 e 90. Assim, parabéns ao Otto Guerra pela iniciativa. O...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe