cinema_hq_06

Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado: Se no primeiro filme sobrou humor e faltou ação, nesta seqüência eles estão na dose certa. As piadinhas descontraem o filme e a ação dá mais agilidade e mobilidade às cenas intercaladas com as explicações científicas que deixaram o filme anterior meio monótono.

Mas, o Surfista Prateado é o cara, rouba totalmente a cena, ficamos sempre esperando que o alienígena apareça na tela. O filme focou muito bom! Agora é esperar uma aventura solo do Surfista prateado.

X-Men 3, O Confronto Final: Este episódio final da trilogia mutante, embora não conte com o excelente diretor Brian Singer, mantém o nível com a direção de Brett Ratner. O filme tem um clima de final mesmo a partir dos acontecimentos que vão se desenrolando ao longo do episódio. Para mim fica difícil pensar em uma continuação.

Talvez filmes com personagens isolados como, Wolverine, Tempestade ou Noturno. Este último personagem deixou uma bela impressão no segundo filme da série. Quanto ao terceiro filme, temos a Fênix Negra, o drama de Magneto e um “segundo” Holocausto e a luta de Xavier pela convivência pacífica entre humanos e mutantes.

Motoqueiro Fantasma:
Embora eu seja um colecionador de HQs, li muito pouco as do Motoqueiro Fantasma. Assim, não posso comparar com o filme. O filme em si serve apenas como diversão momentânea. A história é fraca e não estou falando no “pacto” e, sim, na história do filme. Os atores não agradam, apesar do ótimo ator Nicolas Cage no papel principal.

O romance de Johnny Blaze com Roxanne é por demais piegas. O que salva são os efeitos especiais – a caveira flamejante é ótima! A homenagem ao Cavaleiro Fantasma e a cena da encruzilhada ficaram perfeita. Esta me remeteu a lenda do bluesman Robert Johnson.

Hellboy: O “garoto-demônio” criado por Mike Mignola, assim como nos quadrinhos, na tela grande também não conseguiu me cativar, embora tenha gostado do filme. A história é meio complicada, mesmo com todo o esforço de tentar ser o mais didática possível.

Os quadrinhos já haviam sido, para mim, uma leitura pesada e talvez por isso tenha chegado em frente a tela com um certo pré-conceito. De qualquer forma é importante aos leitores de quadrinhos assistirem ao filme para tirarem suas próprias conclusões. Alguns gostaram! O destaque é a maquiagem perfeita de Hellboy! A caracterização do personagem esta irretocável.

Ilustração:
Jader Corrêa (Cachoeira do Sul/RS)

Denilson ReisindependentesDenilson Reis,hellboy,Jader Correa,Motoqueiro Fantasma,Quarteto Fantástico,realidade alternativa,Surfista Prateado,x-menQuarteto Fantástico e o Surfista Prateado: Se no primeiro filme sobrou humor e faltou ação, nesta seqüência eles estão na dose certa. As piadinhas descontraem o filme e a ação dá mais agilidade e mobilidade às cenas intercaladas com as explicações científicas que deixaram o filme anterior meio monótono. Mas,...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe