planetes-01Planetes é um mangá seinen criado por Makoto Yukimura (autor de Vinland Saga) lançado em 1999 na revista Weekly Morning da Kodansha e foi concluído em 4 volumes (com 26 capítulos). Aqui em terras brasilis, o título chega às bancas pelas mãos dos editores da Panini.

Em um futuro não tão distante, viver no espaço é uma realidade. Com a recente colonização lunar, é preciso lidar com os problemas que surgem nesse ambiente tão hostil para os humanos. Em uma época em que a humanidade finalmente se soltou dos laços com a Terra e foi se aventurar em outros planetas, o problema parece mesmo residir na nossa humanidade e como não aprendemos a conservar o nosso ambiente. Esse “novo problema”, o lixo espacial, pode causar um grande acidente se algum desses pedaços de satélites e grandes de escombros baterem em uma espaçonave.

Planetes se passa no ano de 2075 e acompanha a vida de três astronautas, Fee, Yuri e Hachi, que trabalham como lixeiros espaciais, o que consiste em retirar detritos que estejam em orbita que podem causar acidentes. Para prevenir isso existem as naves de destroços, responsáveis por manter a ordem do “lixo espacial” e evitar acidentes para as naves de viagens. A história acompanha a nave DS-12 ou conhecida como Toy Box. A bordo da nave, os astronautas enfrentam os seus próprios medos e dramas, ao mesmo tempo em que mudam a vida de muitos à sua volta. Uma história mais voltada para a comédia e o drama.

Planetes 32323Diferente do que se espera de uma série de ficção, Planetes não possui armas com raios lasers, nem naves na velocidade da luz. Nós começamos a acompanhar ainda o começo da exploração do universo pela humanidade com bases na Lua, Marte e caminhando para Júpiter. O autor consegue abordar vários tipos de temas desde racismo até política e guerra.

Um quinto volume chamado de 4B foi lançado contendo alguns extras e algumas histórias paralelas que não interferem na linha original. Ele possuiu um anime produzido pela Sunrise com 26 episódios, mas que na época acabou não tomando tanta notoriedade – talvez pela temática não muito “comum” e um pouco mais séria do que o público animado preferia na época.

Como comédia, Planetes também cumpre o seu papel. Esse primeiro volume consegue ter apelo cômico sem você precisar tem um conhecimento sociopolítico e filosófico para esboçar alguns risos.

Planetes 32O autor apresenta os personagens de maneira carismática, envolvente e faz com que o leitor realmente se identifique com o que se passa, com os problemas pessoais de cada um e com suas personalidades. Um enredo profundo, uma bela arte com personagens cativantes. um drama que traz certa reflexão ou que simplesmente fogem do “shonen básico” é uma daquelas experiências que você precisa ter se gosta de mangás.

A Panini está de parabéns, a capa apresenta detalhes envernizados e orelhas. O papel utilizado no miolo é o off-set, inclusive nas 16 páginas coloridas. Além disso, é indispensável para todos aqueles que buscam um mangá com boa qualidade física. É um dos gêneros que eu mais gosto, o bom e velho sci-fi, e você ainda recebe uma aula de cidadania espacial.

Planetes nº 1
Editora Panini
Roteiro e Arte: Makoto Yukimura
Capa Cartão
Lombada Quadrada
13,7 x 20 cm
240 Páginas
R$ 18,90

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/07/Planetes-nº-01.pnghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/07/Planetes-nº-01-300x300.pngDiego LimamanganimeMakoto Yukimura,mangá,Panini,PlanetesPlanetes é um mangá seinen criado por Makoto Yukimura (autor de Vinland Saga) lançado em 1999 na revista Weekly Morning da Kodansha e foi concluído em 4 volumes (com 26 capítulos). Aqui em terras brasilis, o título chega às bancas pelas mãos dos editores da Panini. Em um futuro não...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe