Visualize o mocinho fracote, mas de bom coração, lutando pela vida num cenário inóspito acompanhado de um cara durão de passado misterioso, uma mulher que grita a cada perigo, um garotinho chorão que parece ter o dom de atrair problemas, um cientista franzino, o clássico fortão e um velho turrão e egoísta semeando a discórdia no grupo.

Junte a isso aquele climão de filme B com monstros, cenário pós-apocalíptico, mortes e ação desenfreada sem tempo para tomar folego entre uma ameaça e outra. Familiar, não é?

O interessante é que todos esses elementos das típicas produções de baixo orçamento americano são servidos com um toque nipônico no novo titulo da editora JBC, O Senhor dos Espinhos (Ibara no Oh no original) escrito e ilustrado por Yuji Iwahara.

A JBC deu seu acabamento padrão à obra com paginas coloridas e o pequeno bate papo do autor de extras. Lembrando que a editora vem tentando expandir seu núcleo de leitores, nada mais natural que essa adaptação. E só por ter pesquisado sobre a influência do livro Senhor das Moscas, de Willian Golding, na criação de Ibara no Oh a JBC já ganha alguns pontinhos.

O mangá segue a nova tendência da editora, em apostar num publico mais velho e com séries curtas. O Senhor dos Espinhos cumpre esses requisitos com louvor, tendo apenas seis volumes com uma história dinâmica, que não perde tempo com firulas ou filosofias existenciais. Ele não veio aqui para ser o novo divisor de águas dos quadrinhos, apenas entreter seus leitores com uma trama cujo enredo não resistiria a um olhar mais clínico, mas que funciona bem no conjunto da obra. O desenho do artista não abusa de traços rebuscados o que casa bem com o estilo da série.

Com uma introdução bem prática, logo na abertura conhecemos a doença Síndrome do Enrijecimento Celular Adquirido, ou Medusa para simplificar, cujos infectados sofrem um enrijecimento da pele e demais tecidos, semelhante a petrificação, onde o corpo se torna frágil e partindo a um simples toque.

Como a doença não tem cura, e é mais contagiosa que a gripe Espanhola, um grupo de portadores foram escolhidos por sorteio para serem colocadas em um sono criogênico enquanto aguardam uma possível cura. Uma das sorteadas, como não poderia faltar num mangá, é a colegial Kasumi Ishiki, que embarcou nessa obrigada, uma vez que não queria se separar de sua irmã gêmea, Shizuki.

Menos de 10 páginas depois as coisas começam a dar errado. Kasumi acorda e em vez de cientistas e das modernas instalações, se vê nas ruinas de um prédio tomado pela floresta e cipós cheios de espinhos. Outras pessoas também acordam e são atacados por bizarras criaturas e devorados.

Resta apenas um pequeno grupo sobrevive além de Kasumi, entre eles o tatuado e misterioso Marcos Owen. E é ele que acaba tomando o posto de líder, já que impulsiona o grupo a abandonar as ruínas e procurar ajuda, uma vez que os sobreviventes não tem qualquer meio de se comunicar com o mundo exterior ou ideia do que está rolando ali. Para completar, o Medusa ainda está em seus corpo, e eles terão poucas semanas ate que a doença consuma seus corpos.

Claro que as coisas não serão fáceis com monstros em cada esquina prontos para fazer dos sobreviventes seus “lanchinhos” e com as brigas e desavenças entre os membros do grupo. Há também uma misteriosa garotinha que segue o grupo e parece ser a única que sabe a verdade sobre o que aconteceu com o mundo inclusive das constantes alucinações que Kasumi tem com sua irmã desaparecida.

Houve algumas queixas sobre a tradução para o português, mas quando os fãs mais hard core não reclamam?

Se você curte um bom filme “bagaceira” e não liga para furos do roteiro e quer apenas uma diversão honesta O Senhor dos Espinhos é para você. Compre, se acomode e assista a corrida pela sobrevivência e aprecie os corpos tombarem.

O Senhor dos Espinhos
Editora JBC
Roteiro e Arte: Yuji Iwahara
Aproximadamente 200 páginas
4 páginas coloridas
13,5 x 20,5 cm
R$ 12,90

Lily CarrollmanganimeIbara no Oh,JBC,mangá,O Senhor dos Espinhos,Yuji IwaharaVisualize o mocinho fracote, mas de bom coração, lutando pela vida num cenário inóspito acompanhado de um cara durão de passado misterioso, uma mulher que grita a cada perigo, um garotinho chorão que parece ter o dom de atrair problemas, um cientista franzino, o clássico fortão e um velho...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe