2017 é o ano das denúncias de abuso e assédio sexual em Hollywood. Agora é a vez de Dustin Hoffman ser acusado. Quem veio a público foi a escritora Anna Graham Hunterm que denunciou o comportamento inadequado do ator quando ela tinha apenas 17 anos no set de A Morte do Caixeiro Viajante, nos anos 1980.

"Ele me pediu para fazer uma massagem nos pés dele no primeiro dia no set; eu fiz. Ele flertava comigo abertamente, apertava minha bunda, falava sobre sexo comigo e na minha frente. Numa manhã, fui até seu camarim para anotar o que ele queria no café da manhã; ele olhou para mim e sorriu, tomando seu tempo. Então, ele disse: 'quero um ovo cozido... e um clitóris macio'. O grupo caiu na risada. Fui no banheiro e chorei", escreveu Hunter.

Ela ainda relata que conversou com seu supervisor sobre o comportamento de Hoffman e ele pediu que ela aguentasse, "sacrificasse" seus valores pelo bem da produção. "Aos 49 anos, entendo que Dustin Hoffman fez o que se enquadrava no padrão do que as mulheres de Hollywood e de todo lugar vivam. Ele era um predador, eu era uma criança e isso foi assédio sexual", continuou no texto.

O ator respondeu ao artigo em nota: "Tenho o maior respeito pelas mulheres e me sinto terrível por qualquer coisa que posso ter feito que a tenha colocado em uma situação desconfortável. Sinto muito. Isso não é um reflexo de quem sou."

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2017/11/Dustin-Hoffman.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2017/11/Dustin-Hoffman-150x150.jpgMarina CiconelicinemanotíciasAnna Graham Hunterm,Dustin Hoffman,Hollywood2017 é o ano das denúncias de abuso e assédio sexual em Hollywood. Agora é a vez de Dustin Hoffman ser acusado. Quem veio a público foi a escritora Anna Graham Hunterm que denunciou o comportamento inadequado do ator quando ela tinha apenas 17 anos no set de...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe