xalberto_abertura

Seria Xalberto um alien?

Qualquer criança de escola sabe que Pelucidar é um mundo no centro da Terra ( Edgar Rice Borroughs, in “Tarzan no centro da Terra”) e também que Xalberto é um cartunista que se notabilizou por criar histórias estranhas, que não parecem deste mundo.

Recentemente, uma equipe de pesquisadores dinamarqueses da área da paranormalidade concluiu que o autor brasileiro de HQs Xalberto não é mesmo deste mundo. Chegaram a esta conclusão insólita, examinando detalhadamente cada pormenor surrealista entre tantos concebidos e desenhados pelo artista, principalmente da fase de sua série “Contos de Nenhum Lugar”!

Somente um ser que já tenha percorrido outras dimensões, universos paralelos ou realidades alternativas pode referir-se com tanta familiaridade a nomes como Orotifácia do Lancinante, Apostrofôncio Compassivino, ou Cadestral Pimpipinante.

xalberto_abertura_02

Os estudiosos submeteram a certidão de nascimento do estranho cartunista a uma fotografia Kirlian e surgiu uma frase críptica, em alfabeto desconhecido. Consultando um tradutor de linguagens  alienígenas que trabalhou na Área 51, descobriram então que a frase diz: “Natural de Nenhum Lugar”.

Ora, então os estudiosos concluíram que: ou Xalberto não existe ( não tendo efetivamente nascido de  mulher), ou ele não é deste mundo. Optaram, um pouco aleatoriamente, pela viabilidade da segunda hipótese.

xalberto_06

Tentando ainda dirimir a dúvida, colheram novas opiniões, como a  de Eric Fon Trêniquem, resdespeitado escritor- hoteleiro, conhecido mundialmente por seus dois principais livros: “Eram os deuses agnósticos”? e “De volta às bestrelas”. O literato afirmou estar certo de que Xalberto é descendente da raça de Atlântida e que tal origem não pôde ser revelada no âmbito exotérico devido a motivos de segurança, daí a necessidade de um código (Nenhum Lugar seria uma referência velada à Atlântida).

xalberto_01

Outra celebridade consultada foi o quadracríptico de histórias- em- quadrinhos Jalberto Moyacirne, que achou incrívelmente plausível tal hipótese. Aliás, segundo o teórico, só o fato do desenhista não ser deste planeta explicaria  Xalberto ter dedicado toda a sua vida às histórias- em -quadrinhos e ter ganho tão poucos prêmios na área, ou mesmo nunca ter sido citado em livros sobre o assunto, a não ser na categoria de “entre outros”.

Apresentaremos, em seguida, alguns exemplos da enigmática arte Xalbértica, em desenhos extraídos do livro “Contos de Nenhum Lugar”, ditado por Massao Ohno, que – por sua vez – parece ser um simples nissei bem-sucedido, mas trata-se verdadeiramente de um alienígena procedente de Alfa-Centauri.

Em suas futuras memórias, Massao revelará o porquê dos discos-voadores virem de tão longe para ficarem somente seguindo aviões ou praticarem a abdução em mulheres feias. Ainda segundo Massao, os alienígenas nunca disseram “ leve-me ao seu líder”!

xalberto_02

Observação: Os OVNIs do filme “O bandido da luz vermelha” e de “O dia em que a Terra parou” são falsos, mas aquele fotografado por George Adamsky, assim como  o E.T. de Varginha… bem, estes são verdadeiros!

Apesar da origem alienígena de Xalberto (somente hoje aqui revelada), sua fixação intensa pela linguagem dos quadrinhos conduziu-o através de uma carreira, neste nosso planeta Terra, que já dura mais de três décadas.

xalberto_05

Assim, Xalberto voou no Balão (primeira revista de HQ “udigrudi” brasileira) com outros famosos mestres ascensionados dos quadrinhos nacionais, publicou seus Contos de Nenhum Lugar em álbum próprio – todo em papel couchê – sendo este o segundo álbum de HQs “de autor” brasileiro (Editora Massao Ohno), lançou Íncaro, histórias daquele que voou (seu segundo álbum) também pela Editora Massao Ohno , co-editou a revista Divina Comédia (juntamente com Gualberto Costa, pela Editora Press), criou e desenhou o “fanzine” O Outro Menino do Rio (que o Marcati imprimiu em sua antiga e pequena impressora) e mais recentemente lançou o álbum O Paulistano da Glória através da Via Lettera (em parceria com Sian e Bira Câmara), que recebeu um HQ Mix, na categoria homenagem, em 2004.

xalberto_03

Escreveu perto de 100 roteiros aprovados e publicados dos personagens Disney, pela Editora Abril.

Fez parte da revista Crás (tentativa da editora Abril de publicar HQs nacionais) com a série Olimpo. Publicou também a mesma série (Olimpo) no suplemento de quadrinhos da Folha de São Paulo da fase antiga, nos anos 70.

Ilustrou durante cerca de três anos para a revista Visão. No jornalismo, publicou regularmente por mais de um ano no jornal Estado de São Paulo.

Iniciou, em dupla com Paulo Caruso, a série de tiras “As Mil e Uma Noites”, alternando-se com este, no jornal Lira Paulistana.

Publicou mais e mais histórias em quadrinhos na Inter Quadrinhos, Ataque, Carbono 14, Gripho, Cerol, etc.; ilustrações em diversos house-organs (Itaú, Banco Auxiliar), revistas eróticas (Chic, Status e Privê) e revistas técnicas (Plásticos e Embalagens). Escreveu algumas histórias para a revista Recreio (fase antiga).

xalberto_04

Publica quadrinhos atualmente (quando permitem, ainda) na revista Front.

E, como já foi aqui sugerido, deixou até Alfred E. Newman enojado na revista MAD… na qual publica até hoje. Numa média de, digamos, um número sim, três números não.

Afinal, nem mesmo os aliens são de ferro! Robert Downey Jr., sim! Xalberto é feito do elemento 18, aquele que Bob Lazar diz ter sido sintetizado na Área 51 e é o responsável pela propulsão dos discos-voadores!

Renato Lebeaucaminho do artistaAlfred E. Newman,Ataque,Balão,Bira Câmara,Bob Lazar,caminho do artista,Carbono 14,Cerol,Eric Fon Trêniquem,Front,George Adamsky,Gripho,Inter-Quadrinhos,Jalberto Moyacirne,Lira Paulistana,Mad,Massao Ohno,Paulo Caruso,Recreio,Sian,XalbertoSeria Xalberto um alien? Qualquer criança de escola sabe que Pelucidar é um mundo no centro da Terra ( Edgar Rice Borroughs, in “Tarzan no centro da Terra”) e também que Xalberto é um cartunista que se notabilizou por criar histórias estranhas, que não parecem deste mundo. Recentemente, uma equipe de...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe