Há alguns meses manifestei minhas impressões iniciais quanto a ideia
da Warner produzir a animação Batman Ano Um, baseada na HQ homônima escrita por Frank Miller em meados dos anos 1980…

Na ocasião, ousei especular sobre a necessidade da película, uma vez que Batman Begin ainda pode ser considerado recente, mas em nenhum momento desafiei a capacidade dos produtores de fazer um bom trabalho. A animação Batman Ano Um é ótima. Fato.

Quem conhece a obra original em quadrinhos vai delirar com a
intensidade da animação, a qualidade do som e da narrativa, do emprego
de computação gráfica bem feito no movimento dos veículos. Tanto o
enredo quanto o desenho dos personagens são soberbamente inspirados na arte, não obstante, “cinematográfica” de David Mazzuchelli. As cenas de luta são primorosamente bem coreografadas e “animadas” (se me entende o impulsivo leitor). A trama e o cenário soam “oitentistas”,
mas nem por isso se tornam datados ou desatualizados.

É um longa-metragem em animação cativante e dinâmico. Diverte e entretém… Ou seja, cumpre a regra suprema.

Felizmente, minhas expectativas quanto ao papel do futuro Comissário
Gordon foram satisfeitas – o personagem divide com o jovem Cavaleiro
das Trevas os holofotes do roteiro. Tal roteiro demonstra maturidade,
e embora não se preocupe em mostrar uma Mulher-Gato prostituta, se
furta a mostrar um homem cheirando cocaína – nenhum demérito,
por sinal.

As citações ao Homem de Aço de Metrópolis, recorrentes em
alguns momentos da HQ, vem na forma de uma placa de trânsito que
informa que a Cidade do Amanhã está a 75 km de Gotham. O melhor easter egg do longa, na minha opinião, é a presença sutil de Vick Vale. Um mimo para os fanboys de plantão.

A versão brasileira é carinhosa com o texto e o adapta com maestria
quando pede a ocasião, afinal, isso é algo necessário. Duda Ribeiro,
que dubla o Homem Morcego em Batman – Os Bravos e Destemidos, mantém o excelente trabalho, marcado por uma divisão muito clara entre a voz do herói e a de seu alter ego, Bruce Wayne. Mauro Ramos, voz do javali Pumba no Clássico da Disney O Rei Leão, interpreta o malévolo e
caricato Comissário Loeb digno de um inimigo de Dick Tracy. Gordon foi
bem conduzido por Jorge Vasconcellos, o redundante Macaco Louco
inimigo das Meninas Super Poderosas. Vozes secundárias ficam a cargo
de Mirian Fischer (Lilica de Tiny Toons) como a esposa de Gordon,
Eduardo Borghetti como Flass, José Leonardo (Bob de Família
Dinossauro) e Philipe Maia (Ryan Reynolds em Lanterna Verde) entre
outros.

Quem não leu o quadrinho tem a chance de conferir uma excelente
história, mas se assistiu Batman Begin vai reconhecer elementos… Se
não é o caso, vai se divertir pura e simplesmente.

A redundância de adaptar justamente Batman Ano I, na minha opinião, foi um teste comercial da Warner. Veja bem, pela primeira vez uma animação teve seu download “vendido” na internet…

Tudo bem, Dona Warner, parece-me mesmo uma boa maneira de testar o “formato” em tempos de pirataria tão acirrada (e se tudo tiver dado certo, digo, comercialmente, continue, mas tragas coisas mais novas… “esse” teve um gostinho de “mais do mesmo”, se é que concordam e me entendem, leitores).

Bom… a próxima animação da DC/Warner, Torre de Babel, já teve seu
primeiro trailer divulgado e não param de surgir notícias sobre as
alterações em relação a quadrinho original escrito por Mark Waid. Ao
invés de R’as Al Ghul é um Vandal Savage bastante
“sebastianshawlizado” que coordena um ataque de vilões a partir dos
planos de contenção de Batman para a Liga. Mais uma vez é esperar pra
conferir…

Dennis RodrigoartigosBatman Ano Um - AnimaçãoHá alguns meses manifestei minhas impressões iniciais quanto a ideia da Warner produzir a animação Batman Ano Um, baseada na HQ homônima escrita por Frank Miller em meados dos anos 1980... Na ocasião, ousei especular sobre a necessidade da película, uma vez que Batman Begin ainda pode ser considerado recente, mas em nenhum momento...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe