14713662_1495870257106458_853318536523513945_nRecentemente, várias fotos apareceram divulgando uma coleção do Homem-Aranha nos mesmos das editoras Salvat, Eaglemoss e Planeta DeAgostini. Porém, uma das coisas que mais chamou a atenção é que, diferentemente de todas as outras coleções, não foi encontrada uma coleção equivalente em outros países. Logo, os fãs estão se perguntando: “Será que a Salvat está testando uma coleção inédita aqui no Brasil?”

Quando eu digo que essa nova coleção segue o mesmo padrão que as que já vimos nas bancas não é exagero. O que temos confirmado até agora é que serão 60 edições, capa dura, lombada com uma arte linda, com a primeira edição custando R$ 9,90, a segunda R$ 29,00 e o restante o olho da cara.

Aparentemente essa coleção ainda está em fase de testes, assim como as da Salvat estiveram anos atrás, quando apenas algumas bancas recebem o produto e depois de alguns meses foi lançada oficialmente.

Até agora os únicos volumes confirmados foram “Caído entre os Mortos”, escrito por Mark Millar, “Percepções”, escrito por Todd McFarlane, “A Saga Original do Clone”, escrito por Gerry Conway e “O Mal no Coração dos Homens”, escrito por Kevin Smith. A arte da lombada fica por conta de Marko Djurdjevic.

homem-aranha-salvatUma teia de complicações

Não levem a mau o que eu vou dizer agora, ainda mais porque o Spider é o melhor super-herói da Marvel Comics e das HQs num geral (opinião deste que vos fala, ou escreve), mas essa coleção pode dar um problema gigantesco, e muito provavelmente dará. Motivos são simples.

Repetições

Vamos começar pelo mais básico. Essa coleção PRECISA ter volumes que já saíram nas outras coleções. A Salvat sabe disso e se deparando com esse problema uma vez teve que arrumar soluções para contornar essa situação.

Um exemplo rápido. Na coleção da Capa Vermelha, a história no volume do Mercúrio é “Dinastia M – O Herdeiro”, que já havia aparecido antes em outra coleção. Então, pra evitar repetições, a história publicada foi “O Cerco a Wundagore”. Mesmo a Capa Vermelha conseguindo contornar a situação e evitar repetições, essa nova coleção do Amigão da Vizinhança não terá como fazer isso.

Por que? Que tipo de coleção poderia se autodenominar “Definitiva” sem conter obras como “Homem Aranha Nunca mais”, “A Última Caçada de Kraven” ou “Homem Aranha Azul”? As três já apareceram na coleção de capa preta da editora Salvat, respectivamente as edições 6, 25 e 9. E eu estou falando apenas de três historias.

A coleção precisa se manter por 60 unidades. Pode ser que realmente evitem essas repetições, mas seria um descaso pra quem pensou em comprar só essa coleção devido ao titulo “Definitiva”.

homem-aranha-salvat-3
Arte da lombada da “Coleção Definitiva” Homem-Aranha da Salvat
Mais uma coleção

Atualmente estamos com algumas coleções nas bancas. Coleção de Capa Preta da Salvat Coleção de Capa Vermelha da Salvat Coleção de Graphic Novels DC Eaglemoss, Coleção de Graphic Novels – Batman – Terra de Ninguém e a Coleção de Graphic Novels da Planeta DeAgostini de Star Wars.

Além disso, estamos em um tempo muito conturbado no nosso país. Uma crise econômica forte somada à situação politica atual. Colecionar tudo isso é apenas pra pessoas que tem muito dinheiro. Isso sem contar a questão dos encadernados da Marvel Now, DC Novos 52, a republicação de Sandman, de Preacher, e todas as novas historia e as mensais.

É coisa pra cara..mba! E eu estou falando apenas de HQs. Diversas pessoas que leem revistas em quadrinhos, gostam de ler outras coisas também, como mangás e livros.

homem-aranha-salvat-4Resultado

Alguma coleção vai ter de ficar de lado. Os colecionadores vão ter que ceder de alguma forma. E porque parar de comprar alguma que já foi iniciada? Essas coleções se sustentam mais pela lombada do que pela historia, vamos ser sinceros. Quem procura a história acaba comprando os encadernados a parte e cobre a lombada com algum adesivo diferenciado para não ficar com aquela sensação de coleção inacabada.

As pessoas que compram toda quinzena, compram mais pela lombada mesmo. Deixar alguma coleção incompleta é quase um parto para esse tipo de leitor. Então, a “coleção definitiva” do Teioso vai ter que ficar de lado pra muita gente e será mais uma coleção a ficar empacada nas bancas.

E você Impulsivo Leitor? Apoia essa nova coleção? Acha um exagero esse foco em coleções quinzenais que vão encarecendo com o passar do tempo? Vai dar o braço a torcer e comprar ela toda por ser do Aracnídeo mais querido do mundo, depois do Porco-Aranha? Comenta aí o que você acha!

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2016/10/homem-aranha-salvat-2.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2016/10/homem-aranha-salvat-2-300x300.jpgMatheus ZucaArtigosHomem-Aranha,SalvatRecentemente, várias fotos apareceram divulgando uma coleção do Homem-Aranha nos mesmos das editoras Salvat, Eaglemoss e Planeta DeAgostini. Porém, uma das coisas que mais chamou a atenção é que, diferentemente de todas as outras coleções, não foi encontrada uma coleção equivalente em outros países. Logo, os fãs estão se...IMPULSO HQ é um site que se propõe a discutir histórias em quadrinhos e assuntos derivados como cinema, games e cultura pop em geral.