No dia 30 de janeiro de 1869, o cartunista Ângelo Agostini publicou a primeira tirinha brasileira, chamada “As aventuras de Nhô-Quim ou Impressões de uma viagem à corte”, no Jornal Vida Fluminense, data que hoje marca o Dia do Quadrinho Nacional. Para comemorar e inspirar a criatividade dos visitantes, Museus, Bibliotecas e Fábricas de Cultura da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo criaram uma programação especial sobre o tema, com atividades nos meses de janeiro e fevereiro.

A Casa das Rosas realiza no dia 28 de janeiro, das 14h00 às 17h00, mais uma edição da Feira de Troca. O público será convidado a dar um novo destino aos livros, revistas e gibis, poderá produzir suas próprias tiras e debater técnicas e recursos narrativos das histórias em quadrinhos.

Para relembrar a infância e aguçar a criatividade das crianças, o Museu do Futebol oferece diversas brincadeiras vividas nos gibis, como amarelinha, cabra-cega, esconde-esconde, pega-pega e futebol de rua, todas no espaço de férias organizado em parceria com a Turma da Mônica. Com entrada gratuita de quinta a domingo até 29 de janeiro, das 10h00 às 17h00, o público poderá conferir também os bonecos dos personagens de Maurício de Sousa expostos no local.

Na Casa Guilherme de Almeida, haverá a oficina “Mangá e os clássicos da literatura mundial” no dia 02 de fevereiro, às 19h00. Participam a tradutora Drik Sada e o editor Alexandre Boide, que abordarão as especificidades das adaptações para os quadrinhos e tradução de obras quadrinizadas. Gratuito.

O Luau BVL, da Biblioteca Parque Villa-Lobos, também homenageará os quadrinhos. No dia 19 de janeiro, às 16h00, jovens e adultos poderão conhecer curiosidades sobre o tema: qual foi o primeiro quadrinho brasileiro, quais os principais quadrinistas do país e curiosidades sobre as adaptações das HQs para o cinema. A atividade gratuita é indicada para jovens a partir de 13 anos e não é necessário se inscrever.

A Fábrica de Cultura do Itaim Paulista oferece, nos dias 18 e 20 de janeiro, das 14h00 às 17h00, uma oficina de introdução ao Mangá, quadrinhos desenhados no “estilo japonês” que fazem sucesso no mundo todo. Nesta atividade, os participantes poderão aprender as técnicas fundamentais desse tipo de desenho. A classificação da oficina é livre e, para participar, é necessário realizar inscrição na recepção da Fábrica, apresentando documento de identificação com foto e comprovante de residência. O workshop oferece 15 vagas. Gratuito.

Para conhecer a programação cultural de todo o estado, acesse a plataforma SP Estado da Cultura, clicando aqui.

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2017/01/dia-do-quadrinho-nacional.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2017/01/dia-do-quadrinho-nacional-150x150.jpgRenato Lebeauprograme-seAngêlo Agostini,As aventuras de Nhô Quim,Biblioteca Parque Villa-Lobos,Casa das Rosas,Casa Guilherme de Almeida,dia do quadrinho nacional,Fábrica de Cultura,Museu do FutebolNo dia 30 de janeiro de 1869, o cartunista Ângelo Agostini publicou a primeira tirinha brasileira, chamada “As aventuras de Nhô-Quim ou Impressões de uma viagem à corte”, no Jornal Vida Fluminense, data que hoje marca o Dia do Quadrinho Nacional. Para comemorar e inspirar a criatividade dos visitantes,...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe