00236720140813114207

Completando 70 anos, um dos piores eventos da história mundial está sendo retratado em duas exposições gratuitas na cidade de São Paulo. Confira:

Exposição: Aprendendo com Anne Frank – histórias que ensinam valores

O Senac São Paulo está realizando uma exposição sobre a história da adolescente Anne Frank durante a Segunda Guerra Mundial. A mostra conta com três painéis e retrata acontecimentos importantes da vida dessa jovem.

Vídeos e documentos históricos auxiliam na compreensão dos acontecimentos e quais os impactos causados pelos mesmos. A exposição leva os visitantes a refletir sobre os acontecimentos do Holocausto e também a pensar sobre corresponsabilidade de cada um na construção de uma sociedade mais justa, e pacífica.

O objetivo é a construção de uma memória coletiva sobre as violações dos direitos humanos sofridas nos passado e nos leva a pensar nas atuais. A iniciativa integra as ações do Programa Senac de Cultura de Paz e é ministrada em parceria com a embaixada dos Países Baixos em Brasília, Casa Anne Frank e Instituto Plataforma Brasil.

anne-frank-manaus-620x350Anne Frank nos últimos anos recebeu mais atenção do que já teve graças ao best-seller A Culpa é das Estrelas que menciona essa jovem e inclusive uma das principais cenas do livro, acontece dentro do Anne Frank Huis, que é um museu localizado em Amsterdã que preserva diversos espaços da casa usada pela garota judia Anne Frank e sua família para se esconder dos nazistas nos anos 1940. Sendo uma das principais atrações turísticas de Amsterdã. O museu é visitado anualmente por cerca de 1 milhão pessoas, que buscam ver de perto o local no qual a garota judia Anne Frank e sua família se esconderam por mais de dois anos dos nazistas. Uma das relíquias expostas no museu é seu diário, que foi publicado pelo seu pai, Otto, após a morte da menina no campo de concentração de Bergen-Belsen.

A exposição percorrerá 56 bibliotecas do Senac São Paulo até o final de 2016. Mais informações, clique aqui.

guerraExposição: Batalha de Stalingrado: Mostra de fotos russas comemora os 70 anos do fim da 2ª Guerra Mundial

Em são Paulo também acontece uma exposição sobre os 70 anos do fim da 2º Guerra Mundial, no Memorial da América Latina. Sete décadas após a rendição incondicional ser assinada pelos alemães, que foi o que conseguiu dar um fim na mais sangrenta guerra de todos os tempos, a mostra fotográfica “70 anos do fim da 2ª Guerra Mundial/Grande Guerra Patriótica” exibe inúmeras fotos raras extraídas dos antigos arquivos dos soviéticos.

Com foco na batalha de Stalingrado, que teve a duração de 200 longos dias e 200 noites, que se passou entre 17 de julho de 1942 e 2 de fevereiro de 1943, foi a batalha que teve um resultado decisivo para o rumo que a guerra tomou. A vitória das tropas soviéticas foi um marco para a virada dos aliados (sendo, União Soviética, os Estados Unidos e o Império Britânico as principais forças). Mesmo com um marco tão positivo, levou à morte de 2 milhões de mortos e feridos, entre civis e soldados no mais sangrento de todos os combates da guerra.

A exposição conta com diversas fotografias dessa batalha somadas às fotos do cerco de Leningrado. Estão lá o teatro de operações, os bombardeios aéreos, a ambientação dos personagens reais, as estratégias militares de cada lado, a importância da comunicação por meio de jornais, panfletos, charges e cartazes, os flagrantes pontuais no campo de batalha, os oficiais alemães prisioneiros, os encontros diplomáticos: cada detalhe ficou registrado pelo olho da câmera como testemunha, para que sirva como lição do passado e não de modelo para o presente ou para as futuras gerações.

guerra_02“O Memorial da América Latina embarca nessa viagem ao passado com o sentimento de que cumpre seu papel de agente da integração cultural entre os povos ibero-americanos, que assim como o Brasil, também deram sua parcela de sacrifício e heroísmo a essa página da nossa História recente”, disse o presidente do Memorial da América Latina, João Batista de Andrade.

A exposição foi organizada pela Rossotrudnichеstvo (Agência Federal de Assuntos da Comunidade dos Estados Independentes, de Compatriotas no Exterior e de Cooperação Internacional Humanitária da Federação da Rússia, em São Paulo, República Federativa do Brasil), em parceria com o Museu Central da Grande Guerra Patriótica e apoio do Consulado Geral da Rússia em São Paulo.

Mais informações, clique aqui.

Mostra Fotográfica “70 Anos do fim da 2ª Guerra Mundial”
De 8/5 à a 6/6 de 2015
Biblioteca Latinoamericana Victor Civita – Praça da Mão
Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h. Sábados: até 15h
Entrada gratuita (Portões 1, 2 e 5)

http://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/05/sgm.jpghttp://impulsohq.com/wp-content/uploads/2015/05/sgm-300x256.jpgMarina Ciconeliprograme-seAnne Frank,Memorial da América Latina,Segunda Guerra Mundial,SenacCompletando 70 anos, um dos piores eventos da história mundial está sendo retratado em duas exposições gratuitas na cidade de São Paulo. Confira: Exposição: Aprendendo com Anne Frank – histórias que ensinam valores O Senac São Paulo está realizando uma exposição sobre a história da adolescente Anne Frank durante a Segunda...O Impulso HQ é um site dedicado à cultura geek e traz, diariamente, novidades sobre quadrinhos, cinema e games, além de conteúdo em vídeo. Somos nerds a serviço do seu entretenimento. Bem-vindo!
Compartilhe